sicnot

Perfil

País

Governo vai ajudar produtores de alheiras de Mirandela a esclarecer confusão gerado pelo botulismo

Governo vai ajudar produtores de alheiras de Mirandela a esclarecer confusão gerado pelo botulismo

O Governo vai apoiar os produtores de alheiras de Mirandela com medidas que ajudem a dissociar os enchidos transmontanos da marca relacionada com os recentes casos de botulismo alimentar. A situação já originou quebras de 80% nas vendas deste produto que se traduzem em muitos milhares de euros de prejuízo.

  • Quinto caso de botulismo alimentar
    1:56

    País

    A Direção-Geral de Saúde confirmou hoje o quinto caso de botulismo alimentar relacionado com a marca de enchidos "Origem Transmontana". Todos os doentes consumiram alheiras suspeitas de estarem contaminadas.

  • Casos de botulismo alimentar prejudicam setor do fumeiro em Trás-os-Montes
    3:02

    País

    A notícia dos três casos de botulismo alimentar, relacionados com a ingestão de alheira da marca "Origem Transmontana", está a ter consequências negativas para o setor do fumeiro de Trás-os-Montes. Há já produtores de alheiras de Mirandela que se viram confrontados com o cancelamento de encomendas porque os consumidores estão associar o nome daquela marca a todos os produtos com origem na Região transmontana.

  • O que é o botulismo?
    0:59

    País

    Os produtos da marca "Origem Transmontana" que foram retirados do mercado terão causado três casos de botulismo alimentar. Em comunicado, a Direção Geral da Saúde alerta para os perigos e explica o que pode estar na origem da doença.

  • Cinco anos depois do incêndio na Serra do Caldeirão
    5:24
  • Destaques económicos que marcaram a semana
    2:03

    Economia

    A semana ficou marcada pela tragédia provocada pelos incêndios no centro do país. No entanto importa olhar para o que se passou noutras áreas e fazer um resumo das notícias relacionadas com a economia. 

  • Quer conhecer os cães mais feios do mundo?
    1:15

    Mundo

    Na Califórnia, nos Estados Unidos, já foi eleito o cão mais feio do mundo de 2017, num concurso que se repete há 29 anos. Com 57 quilos, Martha recebeu a distinção enquanto ressonava no palco.