sicnot

Perfil

País

Paulo Rangel eleito vice-presidente do Partido Popular Europeu

O eurodeputado Paulo Rangel (PSD) foi hoje eleito como um dos dez vice-presidentes do Partido Popular Europeu (PPE), ao conseguir 342 votos no congresso que aquela formação política europeia realiza em Madrid.

SIC/Arquivo

SIC/Arquivo

O presidente do PPE - a maior família política europeia e à qual pertencem o PSD e o CDS-PP -, o francês Joseph Daul, foi reeleito na quarta-feira.

Além de Rangel, também foram eleitos para a vice-presidência três comissários europeus - a belga Marianne Thyssen, o austríaco Johannes Hahn e o finlandês Jyrki Kataunen - e o vice-presidente do Parlamento Europeu e ex-comissário italiano, António Tajani. O alemão David Mcallister, o polaco Jacek Saryusz-Wolski, a húngara Kinga Gál, o irlandês Dara Murphy e a holandesa Corien Wortmann-Kool completam a lista. O tesoureiro do PPE será o alemão Christian Schmidt.

Rangel considerou que a sua eleição como vice-presidente do PPE dará "o dobro do peso" ao PSD - e por inerência também ao CDS-PP.

"Isto é muito importante porque nos dá acesso às cimeiras do PPE. Significa que teremos a oportunidade de uma interlocução direta, um contacto e influência direta sobre os primeiros-ministros e chefes de Estado em funções que pertencem ao PPE", afirmou Paulo Rangel.

Para o eurodeputado, a sua eleição vai, por isso, "reforçar o peso de Portugal no contexto da política do PPE, contribuindo mais para definir a sua política".

Lusa

  • Benfica não participa na final da Taça de Portugal de hóquei em patins

    Desporto

    O Benfica anunciou hoje que não vai comparecer na "final four" da Taça de Portugal de hóquei em patins, em protesto com "o estado de degradação que atingiu" a modalidade e com a alegada dualidade de critérios. As "águias" deveriam jogar no sábado com o FC Porto, que se sagrou campeão, no sábado, na segunda meia-final da Taça de Portugal, já depois de a Física de Torres Vedras e o Sporting de Tomar já se terem defrontado em Gondomar.

  • Carvalhal do Sapo tenta recuperar a vida normal após incêndio
    2:33

    País

    As populações das aldeias de Góis tentam voltar à normalidade, ao fim de vários dias rodeadas por um grande dispositivo de operacionais. A repórter Cristina Freitas esteve hoje em Carvalhal do Sapo, onde se realizou mais um funeral de uma das vítimas do incêndio de Pedrógão Grande.

  • Falta de médicos e de ofertas de emprego preocupa habitantes da Guarda
    5:13

    SIC 25 Anos

    No interior do país, a Guarda acusa todas as debilidades de um concelho envelhecido e desertificado. Faltam médicos especialistas e ofertas de emprego que, de ano para ano empobrecem o índice de atratividade da região e aumentam o despovoamento. Mas quem melhor do que as famílias para fazer o retrato da terra onde vivem e trabalham? Uma delas aceitou a proposta da SIC para fazer o roteiro do melhor e do pior da terra que escolheu para educar os filhos.

  • Daesh divulga imagens da destruição da mesquita de Mossul
    1:58
  • "Podemos ser atendidos por um médico branco?"
    0:58