sicnot

Perfil

País

Lince-ibérico morre atropelado em autoestrada de Santarém

Um exemplar de lince-ibérico, um macho de 4 anos, foi encontrado morto, por atropelamento, na autoestrada 23 (A23), próximo de Vila Nova da Barquinha, no distrito de Santarém, informou hoje a GNR.

"O animal foi atropelado mortalmente durante a noite de quarta-feira para quinta-feira, foi recolhido pelos bombeiros e entregue no posto da GNR de Vila Nova da Barquinha. Não há registo de incidente nem da viatura que terá embatido no lince, uma vez que deve ter seguido a sua marcha", disse à agência Lusa a capitã Irina Pinto, do Destacamento Territorial da GNR de Torres Novas.

Contactada pela Lusa, Sofia Castel-Branco, do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), disse que foi "com tristeza" que recebeu a notícia, tendo feito notar que o atropelamento rodoviário é hoje "a maior causa de morte" do lince-ibérico.

Hongo, assim se chamava o macho de lince-ibérico, nasceu em Aznalcar, Espanha, em 2011, tendo sido localizado em Doñana, a 16 de outubro de 2012, e, posteriormente, em maio de 2013, numa zona de caça associativa em Vila Nova de Milfontes, Portugal.

"Este lince apresentava um comportamento dispersante, tendo realizado um longo percurso desde o sul de Espanha. Apesar de ter vivido durante cerca de dois anos na zona do sudoeste alentejano, nunca estabilizou a totalidade do seu território", notou a dirigente.

A responsável do ICNF disse ainda que este exemplar de lince-ibérico estava marcado com um colar emissor VHF, tendo observado que "as dificuldades verificadas no seu funcionamento dificultaram o trabalho de monitorização" dos técnicos do ICNF, tendo sido monitorizado, durante cerca de um ano, através de armadilhagem fotográfica e procura de vestígios de presença.

"Foi este acompanhamento que permitiu verificar os longos períodos de ausência do território de Milfontes, tendo o ICNF tido conhecimento de diversos avistamentos de lince-ibérico em diferentes zonas do território nacional, os quais seguiu com atenção, nomeadamente avistamentos entre Santarém, Cartaxo e Tomar".

Segundo a especialista, o comportamento dispersante do Hongo tem-se manifestado em outros espécimes de lince-ibérico, como é o caso do Kahn e do Kentaro, reintroduzidos em Castilla La Mancha, Espanha, e cujos movimentos dispersivos têm sido possíveis de seguir através dos seus emissores de satélite, encontrando-se atualmente na zona de Monchique e Bragança, respetivamente.

Sofia Castel-Branco considerou "um sucesso" o processo de reintrodução do lince-ibérico em Portugal, desde finais de 2014, "uma vez que permitiu a existência de 11 linces em território nacional", nove dos quais com comportamentos de fixação no território, no Vale do Guadiana, Mértola, e os outros dois (Kahn e Kentaro) com postura dispersante em termos territoriais.

"O investimento feito, ao longo da última década, nas melhorias de habitat, garantiu não só a fixação dos animais reintroduzidos como a receção de espécimes libertados em Espanha" observou.

Os novos desafios, destacou, "passam por consolidar a fixação de fêmeas reprodutoras em território nacional e a libertação de mais exemplares, trabalhar na minimização das causas de morte, ao nível da prevenção e sensibilização para uma condução responsável e segura nas estradas, e na melhoria dos índices de aceitação social da espécie".

Lusa

  • "Almaraz: Uma bomba-relógio aqui ao lado"
    1:56
  • Mais de 100 detidos pela PSP e GNR nas últimas 24 horas

    País

    Só a GNR deteve 64 pessoas em flagrante delito, entre a noite de sexta-feira e o início da manhã deste sábado, a maioria das quais (47) por condução sob o efeito do álcool. A PSP de Lisboa efetuou 41 detenções em 24 horas, dez por tráfico de droga.

  • Videoamador mostra grupo a atar tocha a um touro
    1:33
  • PJ investiga forma como o FC Porto obteve os e-mails
    1:58

    Desporto

    Enquanto o campeonato português de futebol está de férias do relvado, nos bastidores continua uma guerra aberta por causa dos e-mails. O FC Porto entregou à Polícia Judiciária toda a documentação disponível do chamado caso dos e-mails, que envolve o Benfica num alegado esquema de corrupção. O pedido foi feito pela Unidade Nacional de Combate à Corrupção da PJ. A forma como o FC Porto obteve os e-mails também está a ser investigada pela Polícia Judiciária.

  • Manifestantes bloquearam Caracas

    Mundo

    Milhares de pessoas bloquearam esta sexta-feira as ruas de Caracas e de outras cidades, em protesto contra a repressão e o assassinato de manifestantes pelas forças de segurança.