sicnot

Perfil

País

Alerta para chuvas intensas e ventos fortes amanhã

A Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) alertou hoje para chuvas intensas e ventos fortes durante o dia de domingo, principalmente nas regiões do Alentejo e Algarve, o que poderá provocar cheias rápidas em zonas urbanas ou inundações.

(MANUEL DE ALMEIDA/LUSA)

(MANUEL DE ALMEIDA/LUSA)

MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

Em comunicado, e com base nas previsões do Instituto do Mar e da Atmosfera (IPMA), a ANPC dá conta de que durante o dia de domingo poderão ocorrer chuvas pontualmente intensas com acumulados de 100 milímetros em 24 horas.

Valores que poderão superar os 20 milímetros por hora, incidindo essencialmente nas regiões do Algarve e Alentejo e estendendo-se gradualmente aos restantes distritos a sul do rio Tejo.

Alerta igualmente para vento em geral fraco a moderado, mas temporariamente com rajadas que poderão atingir os 80 quilómetros por hora, bem como para agitação marítima de noroeste forte, com ondas entre os quatro e os cinco metros na costa ocidental e na costa sul.

Como consequência, a ANPC avisa a população de que poderão ocorrer cheias rápidas em meio urbano, por acumulação de águas fluviais ou insuficiência dos sistemas de drenagem, ou inundações por transbordo de linhas de águas nas zonas historicamente mais vulneráveis.

Chama a atenção para o piso escorregadio e eventual formação de lençóis de água, inundações de estruturas urbanas subterrâneas com deficiência de drenagem, danos em estruturas montadas ou suspensas e para a possibilidade de queda de ramos ou árvores por causa dos ventos fortes.

Nesse sentido, a ANPC aconselha a minimizar os efeitos destas alterações climáticas, "sobretudo através da adoção de comportamentos adequados, principalmente nas zonas históricas mais vulneráveis", nomeadamente pela desobstrução dos sistemas de escoamento das águas pluviais, adequada fixação de estruturas soltas, como andaimes ou outras estruturas suspensas.

Avisa os condutores para terem uma condução defensiva, reduzindo a velocidade e tendo especial atenção para a possível acumulação de neve ou formação de lençóis de água nas vias.

Alerta também para não atravessarem zonas inundadas, sob pena de pessoas e bens poderem ser arrastados para buracos no pavimento ou caixas de esgoto abertas, e pede especial cuidado na circulação e permanência junto de áreas arborizadas.

Pede especial cuidado na circulação junto da orla costeira e zonas ribeirinhas e desaconselha a prática de atividades relacionadas com o mar, nomeadamente pesca desportiva, desportos náuticos e passeios à beira-mar, evitando ainda estacionar veículos junto à orla marítima.

Lusa

  • Negócios do Fogo
    22:00
  • Direção da Raríssimas na Madeira demitiu-se em setembro
    1:58

    País

    Três representantes da Raríssimas na ilha da Madeira demitiram-se, em setembro, de costas voltas para a direção. A delegação da instituição na ilha começou em 2015 e fechou com as três demissões. Em entrevista à SIC, uma das antigas delegadas afirmou que todos os fundos angariados foram para a sede, em Lisboa, ficando depois sem dinheiro para pagas as despesas.

  • Deputado do PSD recusa vice-presidência da Raríssimas
    1:58

    País

    Nas reações políticas ao caso da Raríssimas, o PSD e CDS dizem que é preciso acionar todos os mecanismos legais apropriados para averiguar a situação. O deputado social-democrata, Ricardo Baptista Leite, que tinha sido convidado recentemente para vice-presidente da instituição, diz que já não há condições para tomar posse.

  • Presidente da Câmara de Nova Iorque confirma "atentado terrorista falhado"
    0:29
  • Israel volta a bombardear posições do Hamas em Gaza

    Mundo

    O exército israelita voltou a bombardear esta segunda-feira posições do movimento Hamas na Faixa de Gaza em resposta ao lançamento de projéteis em direção a Israel pelas milícias palestinianas, informou um comunicado militar.

  • A brincadeira de um youtuber que podia ter acabado mal

    Mundo

    Um jovem youtuber inglês enfiou a cabeça num saco de plástico, prendeu-a na parte interna de um microondas e encheu depois o eletrodoméstico com cimento. A brincadeira, que podia ter acabado de forma trágica, deixou o jovem completamente preso e obrigou à intervenção dos serviços de emergência.

    SIC

  • "Popeye" russo pode ter que amputar braços

    Mundo

    Um jovem russo injetou um óleo no corpo para conseguir ter músculos, mais propriamente nos seus braços, que já cresceram cerca de 25 centímetros. Contudo, segundo um médico, o procedimento pode levar à necessidade de amputação, deixando o jovem sem os membros.