sicnot

Perfil

País

Desalojados em Albufeira devido às inundações

GALERIA DE FOTOS

Várias pessoas ficaram hoje desalojadas no concelho de Albufeira, no Algarve, devido às inundações provocadas pela chuva que fustigou a região. As autoridades desconhecem ainda o número exato de pessoas afetadas.

LUIS FORRA

LU\303\215S FORRA

LU\303\215S FORRA

LU\303\215S FORRA

LU\303\215S FORRA

"Neste momento [18:20] ainda não temos quantificado o número exato de pessoas desalojadas pelas inundações, e estamos a acompanhar os vários casos com os serviços sociais, para que as pessoas possam ser realojadas temporariamente", indicou a vereadora responsável pela proteção civil da Câmara de Albufeira, Ana Vidigal.

De acordo com a responsável, a quantidade de água que caiu no Algarve, inundou diversas habitações em vários pontos do concelho de Albufeira, um dos mais fustigados pela intempérie.

"Estamos a fazer tudo o que está ao nosso alcance para ajudar as pessoas que foram afetadas", sublinhou.

Por seu turno, o segundo comandante distrital da Proteção Civil, Abel Gomes, disse que situação "ainda não está normalizada", mas que o nível das águas está a baixar, tanto pela ausência de chuva como pela preia-mar.

Abel Gomes indicou que a situação anormal adversa de pluviosidade registada durante a madrugada e manhã no Algarve, provocou várias inundações em habitações, lojas, caves, ruas e estradas em vários concelhos algarvios, com maior incidência nas cidades de Quarteira, no concelho de Loulé, e de Albufeira.

"A mais complexa foi a situação em Albufeira, onde houve a necessidade de resgatar algumas pessoas de estabelecimentos e habitações", frisou.

Segundo Abel Gomes, ao longo do dia de hoje registou-se "uma grande quantidade de pedidos de auxílio" um pouco por todo o Algarve, o que motivou o envolvimento de todas as corporações de bombeiros e agentes da proteção civil nas operações de socorro às populações.

Com Lusa

  • Passos Coelho pede desculpa aos portugueses
    3:35
  • População afetada pelo fogo tenta repor o que as chamas destruíram
    1:54
  • "Juntos por Todos" hoje no palco em Lisboa
  • Glifosato na lista de produtos cancerígenos na Califórnia

    Mundo

    O estado norte-americano da Califórnia, nos Estados unidos, pode vir a obrigar o fabricante do popular herbicida Roundup a comercializar o produto com um rótulo que informe os consumidores de que o produto é cancerígeno. O glifosato, princípio ativo do herbicida Roundup fabricado pela Monsanto, consta de uma lista que vai ser divulgada na Califórnia, a 7 de julho, de produtos químicos potencialmente cancerígenos.

  • Pyongyang compara Trump a Hitler

    Mundo

    A Coreia do Norte compara o Presidente norte-americano Donald Trump a Adolf Hitler. Pyongyang já acostumou o mundo à sua linguagem "colorida" quando critica os seus inimigos. Mas comparações com o responsável por mais de 60 milhões de mortes são muito raras.

  • Autarca garante que não houve "touros de fogo"

    País

    O presidente da Câmara de Benavente disse esta segunda-feira à Lusa que a atividade "touros de fogo" foi retirada do programa da Festa da Amizade depois de recebido um parecer desfavorável da Direção-Geral de Veterinária.