sicnot

Perfil

País

Assis adia encontro da Mealhada por coincidir com Comissão Nacional do PS

O eurodeputado socialista Francisco Assis decidiu hoje cancelar um almoço de militantes que se opõem a um Governo de "frente de esquerda", no sábado, na Mealhada, por coincidir com a realização da Comissão Nacional do PS.

As declarações de Portas não ficaram sem resposta, com Assis a acusar o presidente do CDS-PP, de "tentar fugir ao debate do presente e do futuro" e a defender que no próximo domingo "também" vai estar em causa a avaliação do atual Governo PSD/CDS-PP.

As declarações de Portas não ficaram sem resposta, com Assis a acusar o presidente do CDS-PP, de "tentar fugir ao debate do presente e do futuro" e a defender que no próximo domingo "também" vai estar em causa a avaliação do atual Governo PSD/CDS-PP.

NUNO VEIGA

"Logo que tive conhecimento da realização da Comissão Nacional do PS, no sábado [em Lisboa, pelas 15:30], decidi imediatamente cancelar o encontro", declarou à agência Lusa Francisco Assis.

Na sequência do último congresso nacional do PS, em novembro do ano passado, Francisco Assis abandonou todos os órgãos partidários.

Caso não haja uma abertura especial à participação nas duas reuniões de deputados e eurodeputados do PS, Francisco Assis deverá estar ausente tanto da Comissão Nacional de sábado, como da Comissão Política de domingo, onde serão discutidos os resultados das conversações entre socialistas, PCP e Bloco de Esquerda para a formação de um Governo alternativo de esquerda.

Francisco Assis disse que decidiu cancelar o encontro da Mealhada "em nome dos superiores interesses do PS e da discussão nos órgãos do partido".

"Obviamente que a Comissão Nacional do PS, até pelo tema em debate, teria de se sobrepor ao nosso encontro [da Mealhada]. Sempre disse que era desejável debater na Comissão Nacional do PS a atuação do partido após as últimas eleições legislativas", frisou.

Francisco Assis fez ainda questão de referir que alguns dos participantes no encontro da Mealhada são também membros da Comissão Nacional do PS, o que reforçou a sua decisão de cancelar o almoço da Bairrada.

Neste encontro, o ex-líder parlamentar do PS preparava-se para lançar uma corrente interno de militantes e simpatizantes socialistas que discordam de uma viragem à esquerda deste partido, principalmente, através da celebração de um acordo de Governo com o PCP e o Bloco de Esquerda.

Este setor do PS, pelo contrário, entende que os socialistas, na sequência dos resultados das últimas eleições legislativas, deveriam ser "oposição responsável" a um Governo PSD/CDS.

Lusa

  • Assalto à base militar de Tancos
    0:42

    País

    Várias granadas e munições foram roubadas dos paióis da base militar de Tancos. A Polícia Judiciária Militar já está a investigar.

  • ASAE apreende leite com água oxigenada para fabrico de queijo

    Economia

    A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) apreendeu leite com água oxigenada, destinado ao fabrico de queijo. As investigações decorreram nos últimos dois meses e foram dirigidas a vários produtores de leite. As investigações iniciaram-se com a deteção de uma viatura para transporte do leite sem qualquer sistema de refrigeração.

  • Ronaldo dispensado da seleção para ir conhecer os filhos

    Taça das Confederações

    A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) informou em comunicado que Cristiano Ronaldo foi dispensado da Taça das Confederações "para que possa conhecer os seus filhos". Numa mensagem no Facebook, o jogador mostrou-se sensibilizado com a decisão da Federação, acrescentando ainda que está "muito feliz por poder, finalmente, estar com os (...) filhos pela primeira vez".

  • Crise na Venezuela faz aumentar casos de desnutrição infantil
    2:13
  • Mulher mata namorado em brincadeira com arma no Youtube

    Mundo

    Uma mulher do Minnesota, nos EUA, está a ser acusada de disparar mortalmente sobre o namorado quando ambos faziam um vídeo para publicar no Youtube. Monaliza Perez, de 20 anos, foi detida depois de disparar sobre Pedro Ruiz, que segurava um livro junto ao seu peito, confiante que seria o suficiente para parar a bala.

  • Comissão Europeia adota plano contra resistência a antibióticos

    Mundo

    A Comissão Europeia adotou, hoje, um plano para combater a resistência aos antibióticos, uma ameaça que mata anualmente 25 mil pessoas na União Europeia (UE) e custa 1,5 mil milhões de euros. Em paralelo ao plano, apresenta ainda regras para um "uso prudente de antibióticos".

  • Comprar ou arrendar casa?
    8:25