sicnot

Perfil

País

Rastreio a tuberculose a militares da Marinha deu negativo

A Marinha informou hoje, em comunicado, que os rastreios a tuberculose feitos aos militares do navio hidrográfico D. Carlos I com sintomas suspeitos deram um resultado negativo, confirmando a existência de um caso.

(SIC/ Arquivo)

"Os militares que apresentavam sintomas considerados suspeitos foram submetidos a exames, os quais indicaram um resultado negativo no que diz respeito à possibilidade de terem tuberculose ativa" e já regressaram a casa, refere a Marinha.

No comunicado, a Marinha reafirma que o "único caso até agora confirmado com tuberculose pulmonar bacilífera foi o de uma Guarda-Marinha, de Angola, que se encontra internada no Hospital Curry Cabral".

A militar, internada na segunda-feira, "encontra-se em isolamento respiratório no serviço de infecciologia, em estado estável", acrescenta.

O caso de tuberculose obrigou o D. Carlos I, que se preparava para integrar o exercício da NATO "Trindent Juncture", a regressar à base naval de Lisboa.

Lusa

  • Alerta de tuberculose a bordo de navio da Marinha

    País

    Está em vigor um alerta de tuberculose a bordo do navio D. Carlos I da Marinha Portuguesa, envolvido no exercício da NATO que termina esta semana. De acordo com o Correio da Manhã, uma guarda-marinha angolana foi ontem internada no Hospital Curry Cabral e o diagnóstico já foi confirmado: tuberculose pulmonar bacilífera.

  • Encontrado corpo de mariscador desaparecido no Barreiro

    País

    O corpo do homem com cerca de 50 anos apareceu esta manhã junto ao Clube Naval do Barreiro, na mesma zona onde tinha desaparecido na noite deste sábado. A informação já foi confirmada à SIC pela Polícia Marítima, que adiantou que o corpo já foi levado para a morgue. O alerta foi dado por volta das 22:30 de ontem pelos companheiros de nacionalidade chinesa que estavam com a vítima na apanha de bivalves na margem sul do Tejo.

  • Mais de duas mil pessoas retiradas do fogo junto ao parque Doñana, no Sul de Espanha

    Mundo

    O incêndio florestal começou ainda na noite deste sábado na aldeia de Las Peñuelas de Moguer, na província de Huelva e obrigou à evacuação de várias localidades e à retirada de mais de duas mil pessoas, de vários alojamentos turísticos (incluindo o Parador de Mazagon, dois parques de campismo e um hotel). Foi ainda ativado o plano de emergência da província.

  • Portugal "precisa avançar no trabalho" para reduzir crédito malparado
    1:36

    Economia

    Bruxelas recomenda e insiste que o Governo português avance no trabalho para resolver o crédito malparado. Em entrevista à SIC e ao Expresso, o vice-Presidente da Comissão para o Euro e Estabilidade Financeira, Valdis Dombrovskis, adianta que Bruxelas está também a preparar um Plano de Ação ao nível europeu.

    Entrevista SIC/Expresso

  • Líder do Daesh abatido durante fuga

    Daesh

    Um líder do Daesh e o assistente foram abatidos pela polícia iraquiana, em Mossul. A notícia é avançada pela agência EFE que esclarece que os dois homens terão sido mortos enquanto fugiam do Oeste para Este da cidade iraquiana através do rio Tigre.