sicnot

Perfil

País

Comandante de barco que naufragou na Figueira da Foz acusado de quatro homicídios por negligência

O comandante da embarcação que naufragou em outubro de 2013 na Figueira da Foz vai ser julgado por quatro crimes de homicídio por negligência.

Arquivo SIC

O Ministério Público acusa o comandante e proprietário da embarcação de ter agido de forma descuidada e desajustada.

O naufrágio aconteceu a 25 de outubro de 2013 e provocou quatro mortos, num total de oito tripulantes.

Segundo o despacho de acusação, o armador não obedeceu ao plano de navegação recomendado na carta náutica, não teve em consideração as condições meteorológicas desfavoráveis e não ordenou que os tripulantes usassem os coletes de salvação.

O início do julgamento está previsto para dia 16 de novembro no Tribunal de Coimbra.

  • Passos Coelho pede desculpa aos portugueses
    3:35
  • População afetada pelo fogo tenta repor o que as chamas destruíram
    1:54
  • "Juntos por Todos" hoje no palco em Lisboa
  • Autarca garante que não houve "touros de fogo"

    País

    O presidente da Câmara de Benavente disse esta segunda-feira à Lusa que a atividade "touros de fogo" foi retirada do programa da Festa da Amizade depois de recebido um parecer desfavorável da Direção-Geral de Veterinária.

  • Esforço dos contribuintes para salvar bancos deve ser minimizado, diz Draghi
    1:49