sicnot

Perfil

País

PAN aposta em questões concretas na estreia parlamentar

Na estreia parlamentar, o deputado do PAN deixou esta segunda-feira oito perguntas concretas ao Governo, questionando o primeiro-ministro sobre temas como o desemprego, a saúde, a proteção animal ou o ambiente.

Relativamente ao tema na proteção animal, uma das 'bandeiras' do PAN, André Silva interrogou o primeiro-ministro sobre a disponibilidade do executivo para que os gastos com os animais de companhia possam ser dedutíveis em sede de IRS e para alterar o estatuto jurídico dos animais, para deixarem legalmente de ser "coisas".

Relativamente ao tema na proteção animal, uma das 'bandeiras' do PAN, André Silva interrogou o primeiro-ministro sobre a disponibilidade do executivo para que os gastos com os animais de companhia possam ser dedutíveis em sede de IRS e para alterar o estatuto jurídico dos animais, para deixarem legalmente de ser "coisas".

Lusa

Sentado ao lado da deputada socialista Inês de Medeiros, André Silva começou a sua primeira intervenção no hemiciclo por notar "a nova atenção" que a proteção animal mereceu no programa do Governo, que começou hoje a ser debatido na Assembleia da República.

Depois desta primeira nota, André Silva foi direto às questões que trazia prontas, começando por confrontar o primeiro-ministro com o flagelo do desemprego estrutural que já afeta um milhão de pessoas, portugueses que estão "excluídos de forma permanente do mercado de trabalho".

Depois, o deputado do PAN -- Pessoas, Animais e Natureza - perguntou sobre a disponibilidade do Governo para incluir as terapias não convencionais no Sistema Nacional de Saúde e sobre as intenções do executivo para o setor das águas.

Relativamente ao tema na proteção animal, uma das 'bandeiras' do PAN, André Silva interrogou o primeiro-ministro sobre a disponibilidade do executivo para que os gastos com os animais de companhia possam ser dedutíveis em sede de IRS e para alterar o estatuto jurídico dos animais, para deixarem legalmente de ser "coisas".

A proteção das crianças da violência da tauromaquia, a proibição do cultivo do milho geneticamente modificado e a redução de metano foram as outras perguntas deixadas por André Silva.

Em resposta ao PAN, o único partido que ainda não clarificou o sentido de voto nas moções de rejeição do programa do Governo anunciadas pela esquerda parlamentar, Passos Coelho manifestou abertura para o debate de alguma das matérias abordadas por André Silva, nomeadamente para que os animais possa ser tratados juridicamente de "forma mais favorável" e não como "coisas".

Quanto à dedução das despesas com animais de companhia em sede de IRS, o primeiro-ministro recordou que já existe nas despesas familiares um espaço onde as despesas com animais de companhia podem ser incluídas.

Apesar de não responder diretamente a todas as perguntas, no final Passos Coelho deixou a disponibilidade para "encontrar ideia novas e diferentes abordagens", mas sempre "sujeito à regra da realidade e das restrições que ela oferece".

Lusa

  • Presidente da Proteção Civil demitiu-se

    País

    O Presidente da Autoridade Nacional da Proteção Civil (ANPC), Joaquim Leitão, pediu esta quarta-feira a demissão com efeitos imediatos. A carta de demissão foi enviada para o Ministério da Administração Interna, no entanto, uma vez que a ministra também se demitiu, o documento seguiu para o gabinete do primeiro-ministro, António Costa.

  • Provavelmente o melhor golo da noite de Liga Europa
    1:24
  • Vitória de Guimarães mais longe dos 16 avos de final
    1:48
  • O perfil dos novos ministros
    3:22

    País

    Pedro Siza Vieira e Eduardo Cabrita são os dois novos ministros que tomam posse no próximo sábado. Ambos têm uma particularidade: são amigos de longa data do primeiro-ministro António Costa.

  • Não me parece o melhor princípio político, mas percebo que António Costa queira ter junto de si, sobretudo em tempos difíceis, os mais próximos. Os homens de confiança pessoal e política. Em plena tempestade, o primeiro-ministro chamou dois amigos de longa data, ex-colegas da Faculdade de Direito, Eduardo Cabrita e Pedro Siza Vieira. E eles não disseram que não.

    Bernardo Ferrão

  • Fogos na Califórnia provocaram 42 mortos e perdas acima de mil milhões de dólares

    Mundo

    O comissário dos seguros da Califórnia afirmou esta quinta-feira que as perdas provocadas pelos incêndios que dizimaram extensas áreas deste Estado norte-americano excedem os mil milhões de dólares (844 milhões de euros). Estes incêndios, que começaram no condado de Sonoma County, já provocaram a morte a 42 pessoas no mês de outubro.

  • Quem está ao lado de Trump? Melania ou uma sósia?

    Mundo

    A especulação surgiu no Twitter: estaria Trump acompanhado de uma sósia de Melania para ocultar a ausência da mulher num evento oficial? A teoria da conspiração ganhou depois força nas redes sociais. Julgue por si mesmo.

    SIC

  • Norte-americano entrega-se após perder aposta com a polícia no Facebook

    Mundo

    Um jovem de 21 anos procurado pela polícia norte-americana entregou-se, esta segunda-feira, depois de perder uma aposta com a polícia, no Facebook. Michael Zaydel prometeu entregar-se se uma publicação sobre o seu desaparecimento chegasse às mil partilhas, na rede social. O jovem norte-americano prometeu ainda levar uma dúzia de donuts, caso os agentes da cidade de Redford conseguissem ganhar a aposta.

    SIC