sicnot

Perfil

País

Temperaturas em 2015 vão superar em um grau os níveis pré-industriais

As temperaturas médias globais na superfície terrestre em 2015 vão superar, pela primeira vez, em um grau celsius os níveis verificados na era pré-industrial, segundo uma previsão do Instituto Meteorológico britânico (Met Office) hoje divulgada.

LUSA

A entidade referiu que dados recolhidos entre janeiro e setembro deste ano anteveem uma temperatura média global superior em 1,02 graus celsius aos valores registados no período pré-industrial (1850-1900).

Se as temperaturas permanecerem como previsto, 2015 será o primeiro ano a transpor este limite.

"Isto representa um importante indicador como o planeta continua a aquecer devido à influência humana", referiu o Met Office, num comunicado.

Para Stephen Belcher, director do Met Office Hadley Centre, esta nova informação também deve ser interpretada em função dos fenómenos naturais que atingem o planeta.

"Vimos um forte El Niño [fenómeno climático cíclico] a desenvolver este ano no Pacífico tropical e isso terá tido algum impacto sobre a temperatura global deste ano", referiu o especialista.

"Tivemos fenómenos naturais semelhantes no passado, mas esta é a primeira vez que vamos atingir a meta de um grau celsius e é claro que é a influência humana que está a encaminhar o nosso atual clima para um território desconhecido", acrescentou Stephen Belcher.

A informação do Met Office é divulgada a menos de um mês da realização em Paris da Cimeira do Clima da ONU (COP21).

A COP21, que começa a 30 de novembro e se prolonga até 11 de dezembro, tem como objetivo conseguir um acordo internacional que limite as emissões de gases com efeito de estufa para conter o aumento da temperatura global nos dois graus celsius durante este século.

Lusa

  • Cerca de 100 mortos e dezenas de desaparecidos após sismo na Indonésia
    1:24
  • As camisolas de Natal da família real britânica

    Mundo

    O espírito natalício invadiu ontem o Museu Madame Tussauds, em Londres. Foram reveladas as novas figuras de cera da família real britânica - cada membro enverga uma camisola de espírito festivo, com cãezinhos "reais" e "gingerbreadmen" de gosto duvidoso.

  • Os dias na Terra estão a ficar mais longos

    Mundo

    Os dias estão a tornar-se mais longos, mas impercetivelmente, porque vão ser precisos 6,7 milhões de anos para aumentarem um minuto, segundo um estudo publicado quarta-feira pela Proceedings A da Royal Society britânica.

  • As novas rotas da TAP em 2017
    1:59

    Economia

    No próximo ano, a TAP vai passar a voar para o Canadá. Além de Toronto, a companhia aérea vai também abrir cinco novas rotas para a Europa e aumentar algumas frequências. Fique a conhecer quais são.

  • Com este vamos arrancar-lhe uma lagriminha!

    Mundo

    Nesta redação, não se vive só de notícias. Também gostamos de nos emocionar com o mundo virtual. Imbuídos pela quadra natalícia, decidimos partilhar este vídeo polaco consigo. O que é preciso para o emocionar? Um tema com uma mensagem simples e que nos faça lembrar que somos todos feitos de carne e osso. Um toque de humor. Um sentimento sazonal, mas nunca em excesso. Um cão [é preciso haver sempre um cão]. Um enredo e algum suspense que nos prenda ao écran. Algo que nos faça engolir em seco. Foi isto que fez um site de vendas online com um anúncio com o título: "Inglês para principiantes". Então? Atingimos o nosso objetivo? Com ou sem lágrima?

  • Leica: a marca lendária entre os fotógrafos
    5:54
    Futuro Hoje

    Futuro Hoje

    3ª FEIRA NO JORNAL DA NOITE

    A Leica, das famosas máquinas fotográficas, abriu na semana passada a primeira loja em Portugal. Grande parte da produção da marca alemã é feita em Lousado, em Vila Nova de Famalicão, há 43 anos.