sicnot

Perfil

País

Ordem alerta que 10% dos enfermeiros do hospital de Portimão têm tuberculose

O presidente do Conselho Nacional de Enfermagem da Ordem dos Enfermeiros (OE), José Carlos Gomes, denunciou hoje à agência Lusa que 10% dos enfermeiros do serviço de urgência do hospital de Portimão têm tuberculose.

(arquivo)

(arquivo)

© Eric Gaillard / Reuters

"Da informação que recolhi e é segura, embora careça de confirmação, estamos a falar de 10% dos enfermeiros do serviço de urgência" que contraíram tuberculose devido à "falta de uma unidade de isolamento".

Segundo o enfermeiro, esta é uma situação preocupante, pelo que sublinha "a necessidade de algum investimento no sentido de criar unidades de isolamento, que pudessem proteger não só os profissionais de saúde, mas também os outros utentes".

José Carlos Gomes, que visitou hoje o hospital de Santo André, em Leiria, reconhece que a profissão de enfermeiro é de "risco" - apesar de este "não ser reconhecido" -, mas entende que "neste caso, tal como noutros no país, este risco existe por falta de recursos, nomeadamente estruturas de isolamento para estes doentes [com tuberculose]", sublinhou.

Para o presidente do Conselho Nacional de Enfermagem da OE e também candidato a bastonário, trata-se de uma "tuberculose multirresistente, que está associada à toxicodependência".

Já em agosto, o Sindicato de Enfermeiros tinha denunciado à Lusa a existência de casos de tuberculose no hospital de Portimão e acusou o Centro Hospitalar do Algarve (CHA) de não cumprir totalmente as regras de segurança no trabalho, apontando como um "problema" a inexistência de um quarto de isolamento, designado por quarto de pressão negativa, que permita conter possíveis surtos contagiosos, procedendo-se atualmente o isolamento de doentes com tuberculose ou outras doenças contagiosas no serviço de urgência com uma cortina.

Na altura, o CHA explicou que "por absoluta falta de condições, nomeadamente perigoso afastamento do núcleo central do Serviço de Urgência, nunca ou muito raramente este espaço terá servido para internamento de doentes, funcionando, na prática, como armazém de material clínico".

Hoje, após a visita ao hospital de Leiria, José Carlos Gomes revelou que "foram relatados problemas um pouco à semelhança do que se passa por esse país fora", tais como o "não reconhecimento das competências, nomeadamente a especialidade que não é valorizada e acaba por ter impacto na qualidade assistencial dos cuidados de saúde".

Outro problema detetado pelo candidato a bastonário é a dotação que "está a ser agravada com a transferência de enfermeiros do hospital de Leiria para os cuidados de saúde primários".

"Estão a ser retirados os enfermeiros mais competentes, mais especializados e mais experientes, o que não é mau para os centros de saúde, mas pode, a prazo, colocar em causa a capacidade assistencial do hospital em algumas áreas", alertou.

Lusa

  • Marco Silva vai treinar o Watford

    Desporto

    O treinador português Marco Silva assinou contrato com o Watford, da Liga Inglesa. O emblema que terminou a última Premier League na 17ª posição, a última antes dos lugares de descida, ganhou assim a corrida ao Crystal Palace e ao FC Porto, que também tentaram contratar o técnico.

  • "A maior conquista foi construir estabilidade"
    2:14

    Economia

    António Costa voltou esta sexta-feira a garantir que a partir de junho nenhum subsídio de desemprego será inferior a 421 euros por mês. O primeiro-ministro falava nas jornadas parlamentares do PS, onde afirmou que a estabilidade é a maior conquista deste Governo.

  • Com a multiplicação de bons indicadores económicos e financeiros do país, multiplicam-se os elogios ao Governo e declaram-se mortas e enterradas as políticas do passado recente, nomeadamente a da austeridade. Nada mais errado. O que os bons resultados agora alcançados provam definitivamente é que a austeridade resolveu de facto os problemas das contas públicas e, mais do que isso, contribuiu para o crescimento económico que foi garantido por reformas estruturais e pela reorientação do modelo económico.

    José Gomes Ferreira

  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14
  • Portugal pode ser atingido por longos períodos de seca

    País

    Portugal e Espanha podem ser atingidos até 2100 por 'megasecas', períodos de seca de dez ou mais anos, segundo os piores cenários traçados num estudo da universidade britânica Newcastle, que tem a participação de uma investigadora portuguesa.

  • G7 reforça compromisso na luta contra o terrorismo
    2:11
  • Uma foto para a história

    Mundo

    As mulheres dos líderes mundiais que se reúnem nas cimeiras da NATO posam para a fotografia oficial das primeiras-damas. A deste ano é histórica. Pela primeira vez, há um marido de um primeiro-ministro entre as nove mulheres. Trata-se de Gauthier Destenay, casado com o líder do Luxemburgo.