sicnot

Perfil

País

Fernando Pinto reconduzido presidente executivo da TAP

Fernando Pinto vai continuar a presidir à comissão executiva da TAP, enquanto o empresário português Humberto Pedrosa lidera o conselho de administração para os próximos três anos, que integra 11 administradores, segundo informação enviada aos trabalhadores.

Fernando Pinto vai continuar a ser Presidente da comissão executiva da TAP.

Fernando Pinto vai continuar a ser Presidente da comissão executiva da TAP.

Lusa

Na nota a que a Lusa teve acesso, os novos donos da TAP informam sobre a nova composição do conselho de administração e da comissão Executiva do grupo TAP (TAP, SGPS) e do negócio da aviação (TAP, SA), que têm liderança comum, para o triénio 2015-2017.

Humberto Pedrosa, líder do consórcio Gateway, que desde quinta-feira detém 61% do capital do grupo, assume o cargo de presidente do conselho de administração do grupo TAP e da TAP SA, enquanto o sócio David Neeleman fica como vogal do conselho de administração do grupo e da transportadora.

Fernando Pinto, que chegou à TAP há 15 anos para conduzir o processo de privatização da transportadora, mantém-se presidente executivo do grupo e da companhia aérea.

O novo conselho de administração tem 11 administradores: cinco nomeados por Humberto Pedrosa, quatro atribuídos pelo empresário norte-americano David Neeleman e dois indicados pelo Estado português.

Já o conselho de administração do negócio da aviação é composto por cinco elementos, com Humberto Pedrosa na presidência, David Neeleman vogal; enquanto Fernando Pinto assume a presidência executiva, com David Pedrosa (filho de Humberto Pedrosa) e Maximilian Otto Urbahn como vogais.

A Parpública anunciou na quinta-feira à noite a assinatura do acordo de conclusão da venda direta de 61% do capital da TAP ao consórcio Gateway, detido pelos empresários Humberto Pedrosa e David Neeleman.

O consórcio ainda tem que provar ao regulador da aviação que o empresário Humberto Pedrosa lidera o consórcio e obter 'luz verde' do Tribunal de Contas.

A 13 de outubro, a Autoridade Nacional da Aviação Civil (ANAC) deu parecer positivo à venda da TAP ao consórcio Gateway, mas pediu esclarecimentos sobre a estrutura acionista do consórcio comprador, para verificar se ela é controlada pelo português Humberto Pedrosa, como as regras europeias impõem.

Lusa

  • Marcelo saúda "forma rápida" como Conselho de Ministros "tratou de tudo"
    1:03

    País

    O Presidente da República lembra que é preciso convergência de forma a adotar rapidamente as medidas mais urgentes do plano de emergência. No concelho de Tábua, Marcelo Rebelo de Sousa destacou ainda os esforços do Conselho de Ministros, mas lembrou que as medidas anunciadas são apenas o início de um processo e não o fim.