sicnot

Perfil

País

CDS-PP sublinha ideia de desautorização do presidente da AR pela "nova esquerda"

CDS-PP sublinha ideia de desautorização do presidente da AR pela "nova esquerda"

Nuno Magalhães, líder parlamentar do CDS/PP, partilhou a posição do PSD, no discurso que encerrou a sessão evocativa dos 40 anos do 25 de Novembro no Parlamento e que não contou com a presença de todos os partidos da nova esquerda, como lhe chama Nuno Magalhães. O líder parlamentar do CDS-PP sublinhou a ideia da ausência da esquerda desautorizar o presidente da Assembleia da República.

  • PSD critica ausência da esquerda na sessão sobre o 25 de Novembro no Parlamento
    0:45

    País

    Uma semana depois de faltarem ao grupo de trabalho, os partidos à esquerda voltaram a falhar a sessão evocativa dos 40 anos do 25 de Novembro no Parlamento. Luís Montenegro, líder parlamentar do PSD, considera a ausência um desrespeito e até uma desautorização da decisão do presidente da Assembleia da República, Eduardo Ferro Rodrigues, tomada na conferência de líderes.

  • Esquerda ausente para discutir evocação do 25 de Novembro
    1:57

    País

    O líder parlamentar socialista aqueceu a discussão parlamentar, esta tarde, ao acusar PSD e CDS de fazerem uma "jogatana política" em torno da evocação do 25 de Novembro de 1975. PS, PCP, BE e PEV não compareceram na reunião do grupo de trabalho proposto pelo presidente da Assembleia da República para discutir a proposta do PSD e CDS-PP.

  • Os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa
    1:55
  • BCE autoriza CGD a avançar com recapitalização

    Caso CGD

    A Caixa Geral de Depósitos informou esta sexta-feira que vai prosseguir com as operações da primeira fase do aumento de capital, depois de ter obtido autorização para isso junto do Banco Central Europeu (BCE) e do Banco de Portugal.

  • Condutores apanhados a mais de 200 em corridas ilegais na Ponte Vasco da Gama
    1:25
  • A história da guerra em Alepo
    7:43
  • Reino Unido em alerta máximo de terrorismo

    Mundo

    O Reino Unido elevou o alerta de terrorismo para o nível máximo depois das declarações, esta quinta-feira, do chefe das secretas britânicas. O diretor do MI6 está preocupado com eventuais ataques contra o Reino Unido e outros aliados.

  • Uma "cidade fantasma" na Letónia
    3:10
  • O anúncio de natal que está a emocionar o mundo
    1:47