sicnot

Perfil

País

Temperaturas mínimas descem até cinco graus no domingo

As temperaturas mínimas vão descer no domingo entre três a cinco graus Celsius, prevendo-se também céu pouco nublado ou limpo e formação de geada, disse hoje à agência Lusa a meteorologista Maria João Frada.

© Rafael Marchante / Reuters

"Até sábado não vamos ter alterações significativas no estado do tempo, mas no domingo estamos a prever uma descida da temperatura mínima da ordem dos três a cinco graus, sobretudo nas regiões do interior", disse à Lusa a meteorologista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

De acordo com Maria João Frada, as máximas não vão sofrer alterações, prevendo-se que sejam entre 10 e 13 graus nas regiões do interior e entre 15 e 18 no litoral, Alentejo e Algarve.

"Para os próximos dias vamos ter tempo seco, céu pouco nublado ou limpo, acentuado arrefecimento noturno com formação de geada, em especial nas regiões do interior norte e centro. Podemos ter pontualmente neblinas ou nevoeiros matinais, mas que vão dissipar-se", adiantou.

Maria João Frada contou que hoje ainda está previsto vento forte, que tenderá a diminuir gradualmente até domingo.

"A tendência para o início de semana é igual, ou seja, tempo seco, sem precipitação, temperaturas mínimas baixas, céu pouco nublado ou limpo e formação de geada e neblinas em algumas zonas do país", disse.

O IPMA prevê para hoje no continente céu pouco nublado ou limpo, apresentando períodos de maior nebulosidade nas regiões norte e centro, em especial durante a manhã, e vento fraco a moderado de noroeste, soprando moderado a forte, com rajadas até 65 quilómetros por hora no litoral oeste e até 85 quilómetros por hora nas terras altas.

Está também prevista neblina ou nevoeiro matinal em alguns locais do país e condições favoráveis à formação de geada em zonas das regiões do interior norte e centro.

Na Madeira prevê-se períodos de céu muito nublado, aguaceiros fracos nas vertentes norte e terras altas até ao início da manhã e vento moderado de nordeste, soprando forte com rajadas até 85 quilómetros por hora nas terras altas.

Para os Açores prevê-se períodos de céu muito nublado com boas abertas, aguaceiros fracos e dispersos nos grupos ocidental (Flores e Corvo) e oriental (Santa Maria e São Miguel) e vento de leste bonançoso a moderado.

Quanto às temperaturas hoje, em Lisboa vão variar entre 13 e 18 graus Celsius, no Porto entre 8 e 17, em Vila Real entre 4 e 15, em Viseu entre 5 e 16, em Bragança entre 2 e 15, na Guarda entre 5 e 11, em Coimbra entre 7 e 15, em Castelo Branco entre 5 e 18, em Santarém entre 11 e 19, em Évora entre 6 e 18, em Beja entre 8 e 18, em Faro entre 10 e 20, no Funchal entre 17 e 22, em Ponta Delgada entre 14 e 18, em Angra do Heroísmo entre 13 e 18 e em Santa Cruz das Flores entre 15 e 19.

Lusa

  • Obama diz que Guterres "tem uma reputação extraordinária"
    1:38

    Mundo

    António Guterres diz que vai trabalhar com Barack Obama e também com Donald Trump, na reforma das Nações Unidas. O futuro secretário-geral da ONU foi recebido por Obama, na Casa Branca, onde recebeu vários elogios do presidente norte-americano.

  • Mãe do guarda-redes da Chapecoense comove o Brasil
    1:37
  • Dezenas de mortos em bombardeamentos do Daesh em Mossul

    Daesh

    Dezenas de civis, entre os quais várias crianças, morreram e outros ficaram feridos em ataques de morteiro efetuados pelo grupo extremista Daesh em Mossul, disse à agência Efe o vice-comandante das forças antiterroristas iraquianas.

  • Morreu o palhaço que fazia rir as crianças de Alepo

    Mundo

    Anas al-Basha, mais conhecido como o Palhaço de Alepo, morreu esta terça-feira durante um bombardeamento aéreo na zona dominada pelos rebeldes. O funcionário público mascarava-se de palhaço para ajudar a trazer algum conforto e alegria às crianças sírias, que vivem no meio de uma guerra civil.

  • Tribunal chinês iliba jovem executado há 21 anos

    Mundo

    Nie Shubin foi fuzilado em 1995, na altura com 20 anos, depois de ter sido condenado por violação e assassinato de uma mulher, na cidade de Shijiazhuang. Agora, a justiça chinesa vem dizer que, afinal, o jovem era inocente, uma vez que não foram encontradas provas suficientes para o condenar.