sicnot

Perfil

País

Vandalizada sede de candidatura de Sampaio da Nóvoa na Marinha Grande

A sede de candidatura de Sampaio da Nóvoa na Marinha Grande, que é inaugurada no domingo pelo candidato presidencial, foi vandalizada hoje por desconhecidos, tendo a ocorrência sido comunicada às autoridades, disse à Lusa a mandatária concelhia.

MANUEL DE ALMEIDA

Segundo Isabel Rocha, o vidro da frente do espaço onde irá funcionar a sede de candidatura, que só na quinta-feira foi identificado como tal, onde estava colado um cartaz de grandes dimensões com a cara do ex-reitor da Universidade de Lisboa, foi estilhaçado devido ao arremesso de pedras que visaram mesmo o rosto do candidato.

"Aqui na Marinha Grande nunca houve indicações de vandalização de sedes partidárias, pelo que fiquei de facto incomodada e surpreendida", disse Isabel Rocha à agência Lusa.

O ato visou única e exclusivamente a sede de candidatura de Sampaio da Nóvoa já que esta fica localizada no centro da cidade num espaço comercial onde há lojas abertas e outras abandonadas sem que qualquer destes espaços tenha sido alvo de atos de vandalismo, precisou.

"Ontem [sexta-feira] estive no local e estava tudo normal e hoje de manhã quando voltei ao espaço, por volta das 11:00, é que me deparei com um dos vidros todo estilhaçado e no interior da sede ainda está a pedra que foi atirada contra o vidro que só não ficou mais estilhaçado porque o cartaz ajudou a amortecer o impacto", disse.

A mandatária de Sampaio da Nóvoa acrescentou que a PSP tomou conta da ocorrência, que deu origem a um inquérito por se tratar de crime público, tendo a Polícia de Segurança Pública que notificar a Comissão Nacional de Eleições.

Sampaio da Nóvoa desloca-se no domingo à Marinha Grande para inaugurar a sede de candidatura, às 19:00, uma hora depois de os apoiantes deste candidato à presidência da República lhe promoverem uma receção na feira de artesanato e gastronomia, a decorrer por parque municipal de exposições da cidade, referiu Isabel Rocha.

A inauguração do espaço não está em causa apesar do ocorrido, concluiu.

Lusa

  • Passos explica porque se irritou com Costa
    0:42

    Economia

    Depois das imagens em que surgiu visivelmente irritado com António Costa, no último debate quinzenal, Passos Coelho veio agora explicar porquê. Na discussão com o primeiro-ministro, o líder do PSD não gostou que Costa tivesse insinuado que a fuga de 10 mil milhões de euros para offshores tenha ocorrido por inação do Governo anterior.

  • Ferro Rodrigues desvaloriza críticas do CDS
    3:24

    Caso CGD

    Marcelo Rebelo de Sousa fez questão de receber em público Ferro Rodrigues antes de um almoço com o presidente da Assembleia da República. O Presidente também recebeu a representante do CDS-PP, Assunção Cristas, que foi apresentar queixa de Ferro Rodrigues e da maioria de esqueda em relação à comissão de inquérito da Caixa Geral de Depósitos. Ferro Rodrigues desvalorizou as críticas.

  • Luaty Beirão agredido em manifestação em Luanda
    1:27

    Mundo

    Luanda tem sido palco de várias manifestações contra a forma como está a decorrer o processo eleitoral em Angola. Esta sexta-feira, uma dessas manifestações acabou em confrontos com as autoridades. Entre os manifestantes estava o ativista Luaty Beirão.

  • Regime de Pyongyang nega envolvimento na morte de Kim Jong-nam 
    1:53

    Mundo

    A polícia da Malásia diz que o irmão do líder da Coreia do Norte foi morto com uma arma química. Os investigadores encontraram vestígios de gás VX no corpo de Kim Jong-nam, um gás letal proibido pelas convenções internacionais. O Governo da Coreia do Sul pediu esta sexta-feira ao regime de Pyongyang que admita que está por detrás da morte de Kim Jong-nam mas o mesmo já veio negar o envolvimento no assassinato.