sicnot

Perfil

País

Governo pode rejeitar 43 concursos públicos para dirigentes da Administração Pública

O governo pode rejeitar os 43 concursos públicos para dirigentes da Administração Pública, caso não concorde com as escolhas do anterior Executivo.

A Comissão de Recrutamento e Seleção para a Administração Pública (CReSAP) é a entidade responsável pelo processo de seleção dos responsáveis de cargos superiores da Administração Pública. (Arquivo)

A Comissão de Recrutamento e Seleção para a Administração Pública (CReSAP) é a entidade responsável pelo processo de seleção dos responsáveis de cargos superiores da Administração Pública. (Arquivo)

SIC

Os concursos podem mesmo voltar à estaca zero, caso o governo use uma lei que entrou em vigor dia 1 de outubro.
Essa legislação permite abrir novos concursos quando se discorda do perfil definido pelo governo anterior.

O reponsável pela entidade que selecionou os dirigentes a contratar disse à SIC que em causa estão postos como o do presidente da Administração regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo, presidente do Laboratório de Engenharia e Energia e o novo diretor-geral do Autoridade Tributária.