sicnot

Perfil

País

Maria de Belém diz que moção de rejeição é exercício político legítimo

A candidata presidencial Maria de Belém escusou-se hoje a comentar a moção de rejeição do PSD - em coordenação com o CDS-PP - ao programa de Governo do PS, descrevendo-o somente como um exercício político legítimo.

(aquivo SIC)

(aquivo SIC)

"Os partidos políticos estão no exercício legítimo das suas competências", e uma moção de rejeição como a hoje anunciada denota uma "estratégia política" conduzida no âmbito da Assembleia da República, vincou a candidata.

Maria de Belém falava em Lisboa num almoço/debate com empresários organizado pela Fundação AIP e pela CIP (Confederação da Indústria Portuguesa).

A Comissão Permanente do PSD - órgão mais restrito de direção deste partido, composto pelo presidente, Pedro Passos Coelho, pelos vice-presidentes, pelo líder parlamentar e pelo secretário-geral - esteve reunida hoje de manhã, e fonte social-democrata confirmou à agência Lusa a apresentação da moção de rejeição.

O debate na Assembleia da República do Programa do XXI Governo Constitucional, chefiado por António Costa, está marcado para quarta e quinta-feira. As moções de rejeição são votadas após o encerramento do debate.

Ressalvando que o país está normalizado, com o seu quadro institucional a funcionar de forma regular, Belém lamentou todavia o "clima de crispação entre agentes políticos, económicos e sociais", e lembrou que o chefe de Estado deve ter um "papel moderador, de árbitro, de criação de paz entre os órgãos de soberania".

"Não andei 16 anos a comentar o que os outros faziam, dando numa semana umas bicadas a uns, e noutras umas bicadas a outros", disse depois, criticando diretamente o também candidato presidencial Marcelo Rebelo de Sousa, por quem disse ter "apreço e estima pessoal" mas não possui, defendeu, o perfil para ser o "Presidente de todos os portugueses".

Lusa

  • Coutinho e Neymar salvam Brasil de empatar com a Costa Rica já na compensação

    Mundial 2018 / Brasil

    O Brasil venceu a Costa Rica por 2-0 numa partida a contar para a 2ª jornada do grupo E do Mundial da Rússia. Contas feitas, o Brasil sobe para o primeiro lugar do grupo, com 4 pontos, seguido da Sérvia com 3 pontos. A Suíça (1 ponto) e a Costa Rica (0 pontos) ocupam, assim, os últimos lugares da tabela.

  • Moutinho e Rafael Guerreiro de "baixa", Fonte disponível "para tocar bombo"
    1:52
  • Mulher morre após ser mandada para casa pelo Centro Hospitalar do Oeste
    2:23

    País

    Uma mulher morreu depois de ter tido alta no Centro Hospitalar do Oeste. Há fortes suspeitas que tenha sido vítima de um diagnóstico mal feito por uma empresa de telemedicina. O Bastonário da Ordem dos Médicos quer avaliar todos os contratos do Estado com serviços de telemedicina e impedir que as empresas e os hospitais fujam às responsabilidades. Até agora ninguém foi responsabilizado, a família apresentou várias queixas e Entidade Reguladora da Saúde abriu um inquérito.

  • Antigo campeão nacional de Ori-BTT, de 19 anos, morreu em colisão com carro
    1:42

    País

    Um ciclista de 19 anos morreu e o pai ficou gravemente ferido, numa colisão com uma viatura que fazia uma inversão de marcha, em Loulé, na quarta-feira. Quando o acidente aconteceu, o jovem estava a treinar para um campeonato na Hungria, onde ia participar dentro de poucos dias. Duarte Lourenço, que chegou a ser campeão nacional de Ori-BTT, pertencia ao escalão de Juniores, devido à sua idade, mas por vontade própria fazia escalão Sénior.