sicnot

Perfil

País

Acidentes rodoviários provocaram 446 mortos este ano

Os acidentes rodoviários provocaram este ano 446 vítimas mortais, mais 17 do que no mesmo período de 2014, revelou esta quinta-feira a Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR).

Os 111.554 acidentes provocaram, até novembro, 446 mortos, enquanto em 2014 tinham morrido 429 pessoas, adianta a Segurança Rodoviária. (Arquivo)

Os 111.554 acidentes provocaram, até novembro, 446 mortos, enquanto em 2014 tinham morrido 429 pessoas, adianta a Segurança Rodoviária. (Arquivo)

MARTIN SCHUTT / Lusa

Segundo a ANSR, que reúne dados da GNR e da PSP, registaram-se nas estradas portuguesas, entre 01 de janeiro e 30 de novembro, 111.554 acidentes, mais 4.469 do que em igual período do ano passado, quando ocorrem 107.085.

Os 111.554 acidentes provocaram, até novembro, 446 mortos, enquanto em 2014 tinham morrido 429 pessoas, adianta a Segurança Rodoviária.

A ANSR refere que os distritos onde se registaram mais vítimas mortais este ano foram Lisboa (55), Porto (53) e Coimbra (36).

Já os distritos da Guarda (sete) e Portalegre (oito) foram os distritos com menos mortos nas estradas este ano.

Os dados da ANSR indicam também que os feridos graves aumentaram ligeiramente, tendo ficado gravemente feridos 1.993 pessoas, mais 39 do que em 2014,

Este ano registaram-se ainda 34.186 feridos ligeiros, mais 227 do que no mesmo período do ano passado.

Os dados da ANSR dizem respeito às vítimas mortais cujo óbito foi declarado no local do acidente ou a caminho do hospital.

Lusa

  • Os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa
    1:55
  • BCE autoriza CGD a avançar com recapitalização

    Caso CGD

    A Caixa Geral de Depósitos informou esta sexta-feira que vai prosseguir com as operações da primeira fase do aumento de capital, depois de ter obtido autorização para isso junto do Banco Central Europeu (BCE) e do Banco de Portugal.

  • Condutores apanhados a mais de 200 em corridas ilegais na Ponte Vasco da Gama
    1:25
  • A história da guerra em Alepo
    7:43
  • Reino Unido em alerta máximo de terrorismo

    Mundo

    O Reino Unido elevou o alerta de terrorismo para o nível máximo depois das declarações, esta quinta-feira, do chefe das secretas britânicas. O diretor do MI6 está preocupado com eventuais ataques contra o Reino Unido e outros aliados.

  • Uma "cidade fantasma" na Letónia
    3:10
  • O anúncio de natal que está a emocionar o mundo
    1:47