sicnot

Perfil

País

Ordem alerta para possível "rutura" em hospitais por "fuga" de enfermeiros

O presidente do Colégio Nacional de Enfermagem da Ordem dos Enfermeiros, José Carlos Gomes, avançou hoje que vai alertar o Ministério da Saúde para a possibilidade de especialidades dos hospitais entrarem em "rutura" devido à "fuga" de enfermeiros.

(arquivo)

(arquivo)

© Eric Gaillard / Reuters

José Carlos Gomes explicou que para suprimir necessidades de enfermeiros nos cuidados de saúde primários foi aberto um concurso interno, mas alertou que "procurando melhor qualidade de vida", os enfermeiros estão a "esvaziar" os hospitais e a ingressar nos centros de saúde.

"Enfermeiros qualificados, com muita experiência, dos hospitais, estão a pedir transferência. Fazem-no porque o trabalho está desvalorizado de tal forma do ponto de vista salarial. Mas estas instituições [referindo-se aos hospitais] vão ficar com um problema sério porque estão a ver sair os seus melhores quadros. No limite, nomeadamente por exemplo na Saúde Materna, temo que a curto prazo tenhamos instituições e blocos de partos porque não têm enfermeiros especialistas suficientes", referiu José Carlos Gomes.

O responsável admitiu, à agência Lusa, que os cuidados de saúde primários "precisam de mais enfermeiros" mas não quer que a melhoria desta área seja feita "à custa do esvaziamento da capacidade de resposta dos hospitais".

"Tem de haver um planeamento. Há pessoas assustadas porque os serviços podem entrar em rutura", referiu, acrescentando que pretende chegar esta preocupação ao novo ministro da Saúde.

Lusa

  • Primeiro-ministro hoje na cidade da Praia 

    País

    O primeiro-ministro, António Costa, está hoje em Cabo Verde para a a IV cimeira bilateral entre Portugal e aquele país africano, aproveitando a passagem pela cidade da Praia para inaugurar a escola portuguesa.

  • Deputados britânicos debatem hoje petição que desvaloriza visita de Donald Trump

    Mundo

    Os deputados britânicos debatem hoje uma petição que reclama que a futura visita de Estado do Presidente norte-americano, Donald Trump, seja reduzida a uma visita oficial, enquanto dezenas de milhares de pessoas se manifestam sobre o mesmo assunto. Dezenas de milhares de pessoas são esperadas hoje nas ruas de várias cidades do Reino Unido, em protestos organizados para coincidir com a discussão no parlamento (na Câmara dos Comuns) de uma petição 'online' que já tem quase dois milhões de subscritores.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Matteo Renzi demite-se da liderança do Partido Democrático

    Mundo

    O antigo primeiro-ministro italiano Matteo Renzi demitiu-se hoje da liderança do Partido Democrata (PD), uma decisão que faz parte de uma estratégia para retomar o controlo da formação de centro-esquerda, onde uma minoria mais à esquerda ameaça cindir-se.