sicnot

Perfil

País

Carlos César escolhe 3 novos vice-presidentes para a direção da bancada do PS

Os deputados socialistas Luísa Salgueiro, João Paulo Correia e Filipe Neto Brandão foram escolhidos pelo líder parlamentar do PS, Carlos César, para vice-presidências na direção da bancada, disse hoje à agência Lusa fonte deste partido.

Lusa

Lusa

MIGUEL A. LOPES

A mesma fonte adiantou que estes três deputados serão votados pelos deputados socialistas na quinta-feira, dia para o qual está também agendada a reunião semanal do Grupo Parlamentar do PS.

Os três deputados já estiveram no parlamento na anterior legislatura, com Luísa Salgueiro a desenvolver mais a sua atividade da área da saúde, Filipe Neto Brandão no âmbito da Comissão de Assuntos Constitucionais e João Paulo Correia nas questões de economia e finanças.

Com a posse do XXI Governo Constitucional, transitaram para o executivo cinco membros que fizeram parte da equipa de direção de bancada do PS inicialmente escolhida por Carlos César: Ana Paula Vitorino (ministra do Mar), Pedro Nuno Santos (secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares), Fernando Rocha Andrade (secretário de Estado dos Assuntos Fiscais), José Apolinário (secretário de Estado das Pescas) e José Luís Carneiro (secretário de Estado das Comunidades).

Continuam como vice-presidentes na direção de Carlos César, a secretária-geral Adjunta Ana Catarina Mendes, Lara Martinho (Açores), Carlos Pereira (Madeira), Pedro Delgado Alves, Susana Amador, Helena Freitas e João Galamba, sendo que este último é também desde o início desta semana porta-voz da direção do PS.

Lusa

  • Principais factos da acusação no caso BPN dados como provados

    País

    O coletivo de juízes responsável pelo julgamento do processo principal do caso BPN, liderado por Luis Ribeiro, deu início à leitura do acórdão pelas 10:30, com quatro arguidos ausentes do tribunal, entre os quais Oliveira Costa. Os principais factos da acusação são dados como provados, mas a leitura deverá demorar algumas horas

  • Autódromo do Estoril está ilegal há 45 anos

    Desporto

    De acordo com o Público este equipamento desportivo, inaugurado na década de 70, não tem licença de construção nem de utilização. Uma notícia que apanhou de surpresa o executivo camarário de Cascais, liderado por Carlos Carreiras.

  • Seca na Bacia do Sado exige restrições ao uso da água no Alentejo

    País

    A Agência Portuguesa do Ambiente aprovou hoje um conjunto de medidas para gestão dos recursos hídricos, definindo medidas específicas para a bacia hidrográfica do Sado, a única que se encontra em situação de seca. Além da diminuição de regas em hortas e jardins, a APA recomenda o encerramento das fontes decorativas, a proibição de encher piscinas e de lavagem de automóveis.