sicnot

Perfil

País

Grupo Cofina continua proibido de publicar notícias sobre a "Operação Marquês"

O Tribunal da Comarca de Lisboa manteve hoje a providência cautelar interposta pela defesa de José Sócrates, para impedir a divulgação de notícias sobre o processo "Operação Marquês", julgando improcedente a oposição do grupo Cofina.

Em decisão datada de segunda-feira, a juiza da 1ª Secção Cível da Instância Central da Comarca de Lisboa decidiu manter as providências decretadas na decisão de 23 de Outubro, após o grupo Cofina ter contestado a primeira decisão judicial.

Em comunicado enviado à agência Lusa, a defesa do antigo primeiro-ministro adianta que o tribunal julgou "improcedente a oposição deduzida pela COFINA -- MEDIA, S.A., e outros (jornalistas ao seu serviço), contra a decisão cautelar de 7 de Dezembro de 2015, que proibiu a divulgação pelos requeridos de elementos, em segredo de justiça, dos autos de inquérito", no qual José Sócrates é arguido.

Na decisão consta o nome de vários jornalistas do grupo Cofina, proprietário, entre outras publicações, do Correio da Manhã, que estão proibidos de "facultar o acesso, por qualquer forma ou meio, aos autos do Inquérito n.º 122/13.8TELSB, que corre termos no DCIAP de Lisboa, enquanto estiver em segredo de justiça externo (...) ou de relatarem ou transmitirem o conteúdo dos mesmos".

Lusa

  • Governo quer aumentar fiscalização a baixas fraudulentas
    1:10

    País

    O Governo quer criar uma bolsa de médicos para fiscalizar quem recebe o subsídio por doença. A intenção foi manifestada à TSF pela secretária de Estado da Segurança Social. Em 2016 foram detetados mais de 56 mil trabalhadores com baixa médica que afinal estavam aptos para trabalhar.

  • Novo motim em prisão brasileira do Rio Grande do Norte

    Mundo

    Um motim ocorreu esta segunda-feira de madrugada numa prisão do estado brasileiro de Rio Grande do Norte, sem fazer feridos ou mortos, depois de uma rebelião numa outra prisão do mesmo estado ter feito 26 mortos no fim de semana.

  • Cheias e derrocadas destroem várias casas no Peru
    0:42

    Mundo

    Um deslizamento de terras seguido de uma inundação destruiu várias casas no Peru. As imagens mostram o momento em que o deslizamento acontece e o caos que se gerou. O trânsito ficou cortado e as inundações que se seguiram obrigaram várias pessoas a abandonar as suas habitações.