sicnot

Perfil

País

Corvo e Flores sob aviso vermelho para vento e agitação marítima

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou hoje sob aviso vermelho as ilhas do Corvo e Flores, grupo ocidental do arquipélago dos Açores, devido à agitação marítima e ao vento.

Lusa

Lusa

EDUARDO COSTA

Segundo o IPMA, nestas duas ilhas as ondas podem atingir 11 metros até às 18:00 de sexta-feira (menos uma hora nos Açores), enquanto o vento pode registar rajadas superiores a 130 quilómetros/hora entre as 03:00 e as 12:00 de sexta-feira.

O aviso vermelho, o mais grave numa escala de quatro, é identificado pelo IPMA como uma situação meteorológica de risco extremo, devendo as pessoas acompanharem a evolução das condições e seguir as orientações da Proteção Civil.

Já no grupo oriental dos Açores, ilhas de São Miguel e Santa Maria, vigora um aviso laranja para agitação marítima entre as 12:00 e as 19:00 de sexta-feira, e aviso amarelo para chuva até às 07:00, e vento até às 09:00 de sexta-feira.

O aviso laranja para agitação marítima é antecedido de um amarelo das 06:00 às 12:00.

As ilhas do grupo central -- Graciosa, São Jorge, Faial, Pico e Terceira -- estão igualmente sob aviso laranja para agitação marítima, que vigora até às 18:00 de sexta-feira, e vento até às 12:00.

O IPMA emitiu, ainda, um aviso amarelo para chuva nestas cinco ilhas até às 03:00 de sexta-feira.

Segundo a meteorologista Vanda Costa, da Delegação Regional dos Açores do IPMA, o agravamento do estado do tempo deve-se a "uma depressão muito cavada com um sistema frontal associado localizada a norte" da região.

Vanda Costa explicou que na sexta-feira, está previsto "um aumento da altura das ondas e a continuação de vento muito forte", podendo as ondas atingir até 11 metros nas ilhas do Corvo e das Flores, sobretudo na costa oeste, e o vento ultrapassar 130 quilómetros/hora.

Neste dia, nas ilhas do Faial, São Jorge, Graciosa, Terceira e Pico as rajadas deverão estar na ordem dos 120 km/h, enquanto as ondas podem chegar aos nove metros.

No grupo oriental, especialmente na ilha de São Miguel, é expectável rajadas até 100 quilómetros/hora e ondas que podem atingir até nove metros, esclareceu a meteorologista.

As ilhas dos grupos oriental e central dos Açores estiveram na segunda-feira sob aviso vermelho devido às condições atmosféricas adversas.

O mau tempo provocou um morto e a Proteção Civil regional contabilizou 157 incidentes, tendo as operações de socorro envolvido 440 operacionais e 109 viaturas.

Escolas, tribunais e serviços municipais fecharam e mais de 1.600 passageiros ficaram em terra devido ao cancelamento de dezenas de voos.

Lusa

  • "Há uma grande diferença em relação à anterior liderança do PSD"
    14:29

    País

    O ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques, esteve esta quarta-feira na Edição da Noite da SIC Notícias. As novas relações com o PSD e a reprogramação do Portugal 2020 foram alguns dos temas de conversa. Pedro Marques defende que existe "uma grande diferença" entre as lideranças de Passos Coelho e Rui Rio no PSD.

    Entrevista SIC Notícias

  • Dia de homenagens e muito futebol para Marcelo em São Tomé
    3:01

    País

    No segundo dia da visita de Estado a São Tomé e Príncipe, o Presidente da República prestou homenagem às vítimas do massacre de Batepá, em 1953. Marcelo Rebelo de Sousa não pediu desculpa pela história, mas lembrou que é preciso assumir as coisas menos boas do passado. O dia terminou com o Presidente a mostrar que ainda está em forma.

    Enviados SIC

  • Patinadora enfrenta "pesadelo" nos Olímpicos

    Desporto

    A patinadora Gabriella Papadakis enfrentou na segunda-feira um dos "piores pesadelos" da sua vida, durante a estreia nos Jogos Olímpicos de Inverno, em Pyeongchang, na Coreia do Sul. Durante a apresentação, a parte de cima do vestido da francesa saiu do lugar e revelou parte do seu seio. Mas este não foi o único caso de incidentes com figurinos. Também a sul-coreana Yura Min quase ficou despida durante a sua apresentação.

    SIC

  • Casal mantinha filhos trancados sem comida

    Mundo

    Se pensava que só existia uma casa dos horrores, a da família Turpin, desengane-se. A polícia de Tucson, no estado norte-americano do Arizona, deteve na terça-feira um casal que mantinha os quatro filhos adotivos trancados em quartos separados.

    SIC

  • Pigcasso, a porca pintora que tem uma galeria de arte

    Mundo

    O nome sugere o talento da artista que vive na Cidade do Cabo, na África do Sul. Pigcasso estava prestes a morrer, quando foi resgatada por uma ativista que a ajudou a enveredar pelo caminho da pintura. Desde pequena começou a pegar em pincéis e agora é o primeiro animal do mundo com uma galeria de arte, onde já lançou a sua primeira exposição intitulada 'Oink!'.