sicnot

Perfil

País

Presidente deseja Natal "feito de serenidade e esperança"

O Presidente da República desejou hoje aos portugueses um Natal "feito de serenidade e de esperança, de paz e alegria", sublinhando que, num tempo de "incertezas e sobressalto", esta quadra deve ser um "tempo de pausa e reflexão".

"O Natal deve ser um tempo de paz e de alegria. Num mundo marcado por incertezas e sobressaltos, o Natal deve ser um tempo de pausa e reflexão, uma jornada em que devemos lembrar os que mais necessitam da nossa solidariedade: os que enfrentam dificuldades nas suas vidas pessoais ou profissionais, os que vivem na solidão ou na pobreza", refere o chefe de Estado, Aníbal Cavaco Silva, numa mensagem em vídeo de boas festas publicada no site da Presidência da República.

No vídeo, gravado na sala das Bicas do Palácio de Belém e tendo como fundo a árvore de Natal aí instalada, o Presidente da República surge ao lado da mulher, Maria Cavaco Silva, que lembra que nesta quadra os portugueses se reúnem em família, "buscam o convívio dos seus entes queridos, daqueles que lhes estão mais próximos" e, ao mesmo tempo, são recordados com saudade "os que estão longe ou os que já partiram".

"Quero deixar igualmente uma palavra de generoso afeto às nossas comunidades da diáspora, cujo papel tanto sublinhei ao longo dos meus mandatos", acrescenta o chefe de Estado, desejando a todos os portugueses "um bom Natal, feito de serenidade e de esperança, de paz e alegria".

Lusa

  • A história de João Ricardo
    10:37
  • Parceiros sociais começam hoje debate sobre salário mínimo

    Economia

    Os parceiros sociais reúnem-se hoje com o ministro do Trabalho, Vieira da Silva, para iniciarem a discussão sobre a atualização do salário mínimo para o próximo ano, com as centrais sindicais e confederações patronais a assumirem posições divergentes.Em cima da mesa estarão as propostas das centrais sindicais, com a CGTP a exigir 600 euros a partir de janeiro de 2018 e a UGT a reivindicar 585 euros como ponto de partida para a negociação.

  • Os 72 golos de mais uma noite de Liga Europa

    Liga Europa

    Os 16 avos-de-final da Liga Europa começam a ganhar forma. São já 16 as equipas apuradas para a próxima fase da competição, entre elas o Sporting de Braga, que somou mais uma vitória. Em sentido inverso, o Vitória de Guimarães saiu derrotado de Salzburgo e ficou mais longe da qualificação. A 5.ª jornada da fase de grupos jogou-se esta quinta-feira e ao todo marcaram-se 72 golos. Estão todos aqui, para ver ou rever.

  • "No fim, logo se vê" se foram quatro anos de uma legislatura perdida
    1:28

    País

    Pedro Passos Coelho acusa o Governo de perder uma legislatura. O presidente do PSD diz que "no fim, logo se vê" se foram ou não quatro anos de oportunidade perdida para o país. No último Conselho Nacional antes das eleições diretas do partido, Passos acusou o Executivo de perder o rumo e apontou os casos do Infarmed e do aumento do preço da água como exemplos de desorientação.

  • Marcelo apoia novo Mecanismo Europeu de Proteção Civil
    0:44

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa considera o novo Mecanismo de Proteção Civil uma ideia muito boa, que tem todo o apoio do Governo e do Presidente da República. Marcelo apenas lamenta que o modelo não existisse durante os incêndios deste ano.