sicnot

Perfil

País

Tribunal de Évora interroga alegado separatista indiano em processo de extradição

O Tribunal da Relação de Évora (TRE) ouve hoje o alegado separatista indiano Paramjeet Sing no âmbito do processo de extradição intentado pelas autoridades da Índia, que lhe imputam a autoria de homicídio e de ataques bombistas.

(SIC/ Arquivo)

O ativista sikh Paramjeet Sing, conhecido por Pamma, foi detido na sexta-feira num hotel no Algarve pelo Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) ao abrigo de um mandato de detenção internacional para extradição emitido pela Interpol.

Entretanto, a organização internacional "Sikhs for Justice" designou o advogado Manuel Luís Ferreira para defender Pamma, que se encontrava em Portugal juntamente com a mulher e os filhos.

Fonte ligada ao processo admitiu à agência Lusa que o ativista político deverá opor-se à extradição.

O advogado Manuel Luís Ferreira tornou-se conhecido internacionalmente por fazer a defesa do alegado terrorista indiano Abu Salem e do cidadão português Jorge dos Santos (nascido norte-americano com o nome de George Wright) em processos de extradição intentados pela Índia e pelos Estados Unidos da América, respetivamente.

No sábado, o jornal indiano Hindustan Times noticiou que o homem detido em Portugal está ligado a um movimento radical independentista do Punjab, Índia.

Segundo a edição "on-line" do Hindustan Times, que cita fontes policiais, Paramjeet Singh é acusado pelas autoridades indianas de estar envolvido em atentados à bomba em 2010 em Patiala e Ambala e de ter sido, em 2009, o cérebro do assassínio do líder do movimento nacionalista hindu, o Rashtriya Sikh Sangat.

Lusa

  • Validada detenção de homem procurado na Índia por homicídio e atos bombistas
    2:01

    País

    O tribunal de turno validou hoje a detenção do cidadão estrangeiro capturado na sexta-feira no Algarve e que era procurado pela Índia por homicídio e atos bombistas. O tribunal de turno, que funciona ao fim de semana, validou a detenção e o homem, referenciado como sendo "perigoso e violento", será apresentado na segunda-feira ao Tribunal da Relação de Évora para ser ouvido sobre a extradição pedida pelas autoridades indianas. O homem, de cerca de 40 anos, mas cuja identidade ainda não foi divulgada, foi detido num hotel do Algarve pelo Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) no âmbito de um mandado de detenção internacional para extradição emitido pela Interpol.

  • Mais cinco ilhas dos Açores sob aviso vermelho

    País

    O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) elevou esta quarta-feira para vermelho o aviso para as cinco ilhas do grupo central dos Açores, onde no Faial o vento atingiu os 150 quilómetros por hora.

  • Uma alternativa aos serviços de enfermagem ao domicílio
    7:34
  • As primeiras palavras de um dos sobreviventes da Chapecoense
    0:29
  • Familiares de vítimas procuram destroços do MH370
    1:48

    Voo MH370

    Um grupo de familiares das vítimas do avião das linhas aéreas da Malásia, desaparecido em 2014, procuram destroços do aparelho em Madagáscar. As autoridades malaias estudam a posssibilidade de uma nova operação de buscas.

  • Primeiro-ministro em lágrimas ao reencontrar refugiado que recebeu no Canadá em 2015

    Mundo

    Justin Trudeau desfez-se em lágrimas no reencontro com um refugiado sírio, que ele recebeu no Canadá em 2015. No ano passado, Trudeau recebeu pessoalmente os refugiados no aeroporto, onde foi visto a entregar casacos de inverno aos migrantes. Esta segunda-feira, o primeiro-ministro conheceu algumas das famílias que se estabeleceram no país, numa reunião filmada pela emissora canadiana CBC.