sicnot

Perfil

País

Nove distritos sob aviso amarelo devido ao vento e agitação marítima

Nove distritos do continente vão estar esta quarta-feira sob aviso amarelo devido à previsão de vento forte e agitação marítima, informou o Instituto Português do Mar e da Atmosfera.

Os distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto, Vila Real, Bragança, Aveiro, Coimbra, Guarda e Viseu vão estar sob aviso amarelo entre as 06:00 as 21:00. (Arquivo)

Os distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto, Vila Real, Bragança, Aveiro, Coimbra, Guarda e Viseu vão estar sob aviso amarelo entre as 06:00 as 21:00. (Arquivo)

Paulo Duarte / AP

De acordo com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), os distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto, Vila Real, Bragança, Aveiro, Coimbra, Guarda e Viseu vão estar sob aviso amarelo entre as 06:00 as 21:00 devido à previsão de vento forte, com rajadas até 95 quilómetros por hora nas terras altas.

Os distritos de Viana do Castelo, Porto, Braga estão também sob aviso amarelo devido à previsão de chuva por vezes forte entre as 12:00 e as 18:00 de hoje.

O instituto colocou ainda sob aviso amarelo os distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto, Aveiro, Leiria, Coimbra, Lisboa, Setúbal, Beja e Faro devido à previsão de agitação marítima forte, com ondas com 4 a 4,5 metros.

O aviso para agitação marítima vai estar em vigor entre as 12:00 de hoje e as 00:00 de quinta-feira.

As ilhas das Flores e Corvo, no grupo ocidental dos Açores, vão estar também sob aviso amarelo devido à agitação marítima entre às 12:00 de hoje.

O aviso amarelo, o terceiro mais grave numa escala de quatro níveis, alerta para situações de risco para determinadas atividades dependentes das condições meteorológicas.

O IPMA prevê para hoje no nas regiões do norte e centro do continente céu geralmente muito nublado, períodos de chuva no litoral, estendendo-se gradualmente às restantes regiões, por vezes forte durante a tarde no Minho e Douro Litoral, passando gradualmente a regime de aguaceiros e queda de neve acima dos 1200/1400 metros para o fim do dia na região norte.

Está também previsto vento fraco a moderado do quadrante sul, soprando moderado a forte, em especial durante a tarde e nas regiões do litoral, com rajadas até 80 quilómetros por hora a norte do Cabo Mondego, diminuindo de intensidade e tornando-se do quadrante oeste no final do dia.

Nas terras altas, prevê-se vento forte com rajadas até 95 quilómetros por hora, tornando-se do quadrante oeste no final do dia.

A previsão aponta ainda para formação de geada em alguns locais do interior, neblina ou nevoeiro matinal e subida da temperatura mínima no litoral.

No sul prevê-se céu geralmente muito nublado, períodos de chuva fraca a partir da manhã no litoral, estendendo-se gradualmente às regiões do interior e tornando-se moderada a partir do final da tarde, vento fraco a moderado do quadrante sul, soprando temporariamente moderado a forte no litoral oeste e nas terras altas, tornando-se do quadrante oeste a partir do final do dia e neblina ou nevoeiro matinal.

Em Lisboa, as temperaturas vão variar entre 14 e 18 graus celsius, no Porto, entre 13 e 16, em Vila Real, entre 5 e 13, em Viseu, entre 7 e 12, em Bragança, entre 3 e 10, na Guarda, entre 6 e 7, em Castelo Branco, entre 8 e 11, em Santarém, entre 11 e 18, em Évora, entre 7 e 17, em Beja, entre 9 e 18 e em Faro, entre 12 e 19.

Lusa

  • Francês detido em Antuérpia "queria matar"

    Mundo

    O Presidente de França François Hollande afirmou que o francês detido esta quinta-feira por conduzir um automóvel a grande velocidade na principal rua pedonal de Antuérpia, na Bélgica, "queria matar" ou "provocar um acontecimento dramático".

  • Mais de 20 milhões estão a morrer à fome em África

    Mundo

    África enfrenta a maior crise desde 1945, com mais de 20 milhões de pessoas a morrer de fome em três países, Sudão do Sul, Somália e Nigéria, disse esta quinta-feira um responsável do Programa Alimentar Mundial das Nações Unidas.

  • Menina "rouba" chapéu ao Papa
    0:27

    Mundo

    Estella Westrick tem apenas três anos, mas já conseguiu chegar aos jornais de todo o mundo, depois de "roubar" o chapéu do Papa. Durante uma visita da família na quarta-feira ao Vaticano, a criança - que não parece estar muito contente no vídeo - foi pegada ao colo por um dos funcionários do Vaticano, que a levou depois até ao Papa para receber dois beijos. Nesta altura, Estella aproveitou para tirar o solidéu episcopal, arrancando gargalhadas de toda a gente, especialmente do Papa Francisco.

  • Jovem violada em direto no Facebook não se sente em segurança

    Mundo

    A jovem de 15 anos que foi abusada sexualmente por cinco ou seis homens durante um vídeo em direto para o Facebook está a receber tratamento. A mãe da jovem deu uma entrevista, na qual disse que a filha já não se sente em segurança na sua vizinhança, depois de receber ameaças na internet.

  • Letizia, uma rainha da nova geração
    2:01