sicnot

Perfil

País

Nove distritos sob aviso amarelo devido ao vento e agitação marítima

Nove distritos do continente vão estar esta quarta-feira sob aviso amarelo devido à previsão de vento forte e agitação marítima, informou o Instituto Português do Mar e da Atmosfera.

Os distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto, Vila Real, Bragança, Aveiro, Coimbra, Guarda e Viseu vão estar sob aviso amarelo entre as 06:00 as 21:00. (Arquivo)

Os distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto, Vila Real, Bragança, Aveiro, Coimbra, Guarda e Viseu vão estar sob aviso amarelo entre as 06:00 as 21:00. (Arquivo)

Paulo Duarte / AP

De acordo com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), os distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto, Vila Real, Bragança, Aveiro, Coimbra, Guarda e Viseu vão estar sob aviso amarelo entre as 06:00 as 21:00 devido à previsão de vento forte, com rajadas até 95 quilómetros por hora nas terras altas.

Os distritos de Viana do Castelo, Porto, Braga estão também sob aviso amarelo devido à previsão de chuva por vezes forte entre as 12:00 e as 18:00 de hoje.

O instituto colocou ainda sob aviso amarelo os distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto, Aveiro, Leiria, Coimbra, Lisboa, Setúbal, Beja e Faro devido à previsão de agitação marítima forte, com ondas com 4 a 4,5 metros.

O aviso para agitação marítima vai estar em vigor entre as 12:00 de hoje e as 00:00 de quinta-feira.

As ilhas das Flores e Corvo, no grupo ocidental dos Açores, vão estar também sob aviso amarelo devido à agitação marítima entre às 12:00 de hoje.

O aviso amarelo, o terceiro mais grave numa escala de quatro níveis, alerta para situações de risco para determinadas atividades dependentes das condições meteorológicas.

O IPMA prevê para hoje no nas regiões do norte e centro do continente céu geralmente muito nublado, períodos de chuva no litoral, estendendo-se gradualmente às restantes regiões, por vezes forte durante a tarde no Minho e Douro Litoral, passando gradualmente a regime de aguaceiros e queda de neve acima dos 1200/1400 metros para o fim do dia na região norte.

Está também previsto vento fraco a moderado do quadrante sul, soprando moderado a forte, em especial durante a tarde e nas regiões do litoral, com rajadas até 80 quilómetros por hora a norte do Cabo Mondego, diminuindo de intensidade e tornando-se do quadrante oeste no final do dia.

Nas terras altas, prevê-se vento forte com rajadas até 95 quilómetros por hora, tornando-se do quadrante oeste no final do dia.

A previsão aponta ainda para formação de geada em alguns locais do interior, neblina ou nevoeiro matinal e subida da temperatura mínima no litoral.

No sul prevê-se céu geralmente muito nublado, períodos de chuva fraca a partir da manhã no litoral, estendendo-se gradualmente às regiões do interior e tornando-se moderada a partir do final da tarde, vento fraco a moderado do quadrante sul, soprando temporariamente moderado a forte no litoral oeste e nas terras altas, tornando-se do quadrante oeste a partir do final do dia e neblina ou nevoeiro matinal.

Em Lisboa, as temperaturas vão variar entre 14 e 18 graus celsius, no Porto, entre 13 e 16, em Vila Real, entre 5 e 13, em Viseu, entre 7 e 12, em Bragança, entre 3 e 10, na Guarda, entre 6 e 7, em Castelo Branco, entre 8 e 11, em Santarém, entre 11 e 18, em Évora, entre 7 e 17, em Beja, entre 9 e 18 e em Faro, entre 12 e 19.

Lusa

  • Ministra tem condições para ficar?
    1:57
  • Proteção Civil garante que já não há desaparecidos
    1:40
  • "Depois de sair da autoestrada o vidro do carro ainda estava a ferver"
    2:01
  • Os testemunhos emocionados de quem perdeu quase tudo nos fogos
    2:10
  • A primeira moção de censura ao fim de quase dois anos
    1:42

    País

    O CDS-PP avançou com uma moção de censura ao Governo, perante o que chama de falha do Governo na proteção das pessoas. O PSD apoia a iniciativa. António Costa fala num ato natural da democracia. Esta é a primeira moção de censura que o Governo socialista enfrenta ao fim de quase dois anos de mandato.

  • "Agora é tempo de decidir e executar"
    1:27

    País

    O primeiro-ministro reuniu-se esta terça-feira com os autarcas das zonas mais afetadas pelos incêndios e visitou os feridos, que continuam internados no Hospital de Coimbra. António Costa diz que o tempo das respostas começa agora.

  • Norte-americana foi à discoteca e tornou-se princesa

    Mundo

    A história de Ariana Austin é quase como um conto de fadas moderno. A jovem vai até ao baile, onde conhece o seu príncipe. Só que a norte-americana foi a uma discoteca e, na altura, não sabia que Joel Makonnen era na verdade um príncipe da Etiópia e que casaria com ele 12 anos depois, tornando-se também ela numa princesa.