sicnot

Perfil

País

Trânsito condicionado durante os próximos meses no Cais do Sodré

A Câmara de Lisboa informou que o trânsito vai estar condicionado a partir desta segunda-feira no Cais do Sodré e nas artérias envolventes, no seguimento da primeira fase das obras de requalificação da frente ribeirinha, já iniciadas.

O município frisa que "as alterações à circulação e os respetivos desvios de trânsito serão devidamente coordenados no local pelas entidades policiais". (Arquivo)

O município frisa que "as alterações à circulação e os respetivos desvios de trânsito serão devidamente coordenados no local pelas entidades policiais". (Arquivo)

Francisco Seco / AP

Em comunicado, a autarquia explica que, "nesta fase, o tráfego proveniente da Avenida Ribeira das Naus com destino à Avenida 24 de Julho e Rua do Alecrim far-se-á através do Largo do Corpo Santo/Rua Bernardino da Costa".

O município frisa que "as alterações à circulação e os respetivos desvios de trânsito serão devidamente coordenados no local pelas entidades policiais".

No Corpo Santo e no Cais do Sodré, as obras começaram no final de novembro, estimando-se que terminem em janeiro de 2017.

Aqui, as intervenções assentam na reorganização do terminal de autocarros e de elétricos, em mais espaços verdes, melhor circulação pedonal e no reordenamento do estacionamento, que sai da praça do Cais do Sodré.

"Atualmente os automóveis ocupam, em circulação e no pouco estacionamento que há, 60% desta área e queremos inverter essa relação e dar 60% da área à circulação dos peões, ao estar das pessoas", disse o arquiteto projetista, Bruno Soares, numa visita realizada ao local no início de dezembro.

Na mesma ocasião, o presidente do município, Fernando Medina (PS), explicou que estas intervenções, bem como as que estão a ser feitas no Campo das Cebolas, vão obrigar a condicionamentos de trânsito.

Ainda assim, garantiu que "em nenhum momento [...], ficará vedada por completo a circulação" nesta zona.

O objetivo é que, "no prazo de um ano e meio", haja "uma nova frente ribeirinha na cidade de Lisboa", adiantou Fernando Medina.

Lusa

  • Não houve negligência médica no caso do jovem que morreu em São José
    2:33

    País

    Afinal, não houve negligência médica no caso do jovem que morreu há cerca de um ano no Hospital de São José, vítima de um aneurisma. Esta é a conclusão da Ordem dos Médicos e dos peritos do Instituto de Medicina Legal. Segundo o jornal Expresso, todos os relatórios relatórios pedidos pelo Ministério Público e pelo Centro Hospitalar de Lisboa Central dizem que o corpo clínico do hospital não teve responsabilidades na morte de David Duarte.

  • Jovens estariam de fones e poderão não ter ouvido comboio a aproximar-se
    1:47

    País

    As adolescentes, de 13 e 14 anos, encontradas mortas junto à linha do norte perto de Coimbra podem não ter ouvido a aproximação do comboio, uma vez que estariam de auriculares. Os corpos só foram descobertos 36 horas depois do desaparecimento das jovens, aparentemente vítimas de um descuido fatal.

  • Patti Smith engana-se na música de Bob Dylan durante cerimónia dos Nobel
    1:49

    Mundo

    Os prémios Nobel deste ano já foram entregues. Bob Dylan não compareceu à entrega do galardão da Literatura e fez-se representar pela amiga Patti Smith, que teve um bloqueio enquanto cantava "A Hard Rain's A-Gonna Fall" do músico. O Presidente da Colômbia Juan Manuel dos Santos foi distinguido com o Nobel da paz pelo acordo que alcançou com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia.

  • CIA acredita que Trump foi ajudado por piratas informáticos russos
    1:24

    Eleições EUA 2016

    As eleições nos Estados Unidos da América já terminaram e o Presidente está eleito. Contudo, Barack Obama quer saber se os russos tentaram mesmo influenciar o voto e ao mesmo tempo perceber o que os serviços secretos aprenderam com todas as fugas de informação durante a campanha. Já a CIA diz não ter dúvidas: para os serviços secretos norte-americanos, Donald Trump foi ajudado por piratas informáticos.