sicnot

Perfil

País

Portugueses casam menos mas optam cada vez mais pela separação total de bens

Há cada vez mais portugueses a casarem com separação total de bens. O número de casais que opta por este regime, revelado pelo Instituto de Registos e Notariado, triplicou entre 1997 e 2014.

© Cliff DesPeaux / Reuters

Também as uniões em comunhão geral de bens têm vindo a diminuir, segundo os números, publicados hojes pelo Jornal de Notícias.

Já a comunhão de adquiridos continua a ser o regime preferido de que quem decide casar em Portugal. Representa 80% das escolhas dos noivos.

O mesmo documento mostra a queda no número de casamentos em Portugal, menos 30 mil nos últimos 40 anos.

Nos anos 70 havia mais 27 mil casamentos por ano do que em 2015.

  • Zeca Afonso morreu há 30 anos
    1:11
  • Compensa comprar a granel?
    8:39
  • "Isto é uma mentira e tem carimbo de Estado"
    2:12

    Opinião

    O preço das botijas de gás em Portugal duplicou nos últimos 15 anos. José Gomes Ferreira esteve no Jornal da Noite, da SIC, onde explicou este aumento, lembrando que a classe política prometeu que se houvesse mais empresas a operar no mercado, os preços desciam. Contudo, José Gomes Ferreira diz que "isto é uma mentira e tem carimbo de Estado". O Diretor-Adjunto de Informação SIC explicou que como o mercado é livre, os operadores vendem aos preços mais altos que podem, deste modo os preços não variam muito entre uns e outros.

    José Gomes Ferreira