sicnot

Perfil

País

Grupos central e oriental dos Açores sob aviso laranja devido à chuva

Os grupos central e oriental dos Açores estão hoje sob aviso laranja, o segundo mais grave de uma escala de quatro, devido à previsão de chuva, vento forte e agitação marítima, informou o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

De acordo com o instituto, o grupo central (ilhas Graciosa, São Jorge, Terceira, Pico e Faial) está sob aviso laranja desde as 00:00 e até às 12:00 de hoje devido à previsão de chuva, vento forte e agitação marítima, prevendo-se ondas com seis a oito metros.

O grupo oriental (ilhas de São Miguel e Santa Maria) está sob aviso amarelo desde as 02:00 e até às 12:00 de hoje devido à chuva, passando depois a aviso laranja entre as 12:00 de hoje e as 12:00 de sexta-feira.

Este grupo está também sob aviso laranja devido à agitação marítima forte, prevendo-se ondas de leste/sueste de seis a oito metros.

O aviso laranja refere-se a uma situação meteorológica "de risco moderado a elevado" enquanto o aviso amarelo, o terceiro mais grave numa escala de quatro níveis, alerta para situações de risco para determinadas atividades dependentes das condições meteorológicas.

O IPMA prevê para hoje, no grupo ocidental dos Açores (Flores e Corvo), períodos de céu muito nublado, tornando-se encoberto, aguaceiros fracos e vento leste muito fresco com rajadas até 65 quilómetros por hora.

No grupo central prevê-se períodos de céu muito nublado, tornando-se encoberto, períodos de chuva e vento leste fresco a muito fresco, temporariamente forte com rajadas até 75 quilómetros por hora na parte norte do grupo.

Para o grupo oriental, a previsão aponta para céu muito nublado, períodos de chuva que poderá ser forte, especialmente a partir da tarde, no nordeste de S. Miguel e, em Santa Maria, vento leste moderado a fresco, tornando-se forte com rajadas até 70 quilómetros por hora a partir da noite.

O IPMA prevê para hoje nas regiões do norte e centro do continente céu muito nublado, diminuindo gradualmente de nebulosidade a partir da tarde, períodos de chuva, por vezes forte, no Minho e Douro Litoral até ao meio da manhã, passando a regime de aguaceiros fracos e pouco frequentes, e queda de neve nos pontos mais altos da Serra da Estrela.

Está também previsto vento fraco a moderado do quadrante sul, soprando moderado a forte, com rajadas até 70 quilómetros por hora, no litoral a norte do Cabo Carvoeiro, sendo forte nas terras altas, neblina ou nevoeiro matinal e pequena subida da temperatura mínima.

No sul prevê-se céu geralmente muito nublado, períodos de chuva fraca a partir do final da manhã, vento fraco a moderado de sudoeste, rodando para noroeste a partir da tarde, neblina ou nevoeiro matinal e pequena subida da temperatura mínima.

O instituto prevê para hoje na Madeira períodos de céu muito nublado, chuva ou aguaceiros a partir do meio da tarde e vento em geral fraco do quadrante leste, tornando-se moderado de sudoeste nas terras altas a partir da tarde.

Quanto às temperaturas, em Lisboa vão variar entre 10 e 17 graus Celsius, no Porto entre 12 e 15, em Viana do Castelo entre 10 e 15, em Bragança entre 05 e 11, em Vila Real entre 07 e 12, em Viseu entre 10 e 14, na Guarda entre 04 e 08, em Castelo Branco entre 04 e 10, em Coimbra entre 10 e 14, em Santarém entre 06 e 16, em Évora entre 06 e 15, em Beja entre 07 e 16, em Faro entre 12 e 17, no Funchal entre 17 e 22, em Ponta Delgada entre 12 e 16, em Angra do Heroísmo entre 14 e 16 e em Santa Cruz das Flores entre 12 e 13.

Lusa

  • O perfil do novo herói do surf português
    3:43
  • "Temos de melhorar o sistema de prevenção e combate dos incêndios"
    18:07

    País

    O ministro da Agricultura, Luís Capoulas Santos, foi convidado da Edição da Noite da SIC Notícias, desta quinta-feira. Em análise esteve o chumbo do PCP na criação de um banco nacional de terras, a reforma da floresta em Portugal, as falhas no sistema de comunicação do SIRESP, a lei da rolha nos bombeiros, a seca no país e ainda a pesca da sardinha, que poderá vir a ser proibida durante 15 anos. 

    Entrevista SIC Notícias

  • CGTP acusa PT de ilegalidades no dia da greve
    0:46

    Economia

    A CGTP pede a intervenção do Governo na PT. Esta quinta-feira, na SIC Notícias, Arménio Carlos acusou a empresa de estar a cometer mais uma ilegalidade, ao ter requisitado trabalhadores para cumprir serviços mínimos uma semana antes do permitido por lei.

  • Altice responde a António Costa
    1:33

    Economia

    A Altice respondeu ao Governo, na sequência das críticas de António Costa, lamentando que Portugal não reconheça a importância dos investimentos que o grupo faz no país. A dona da PT inaugurou esta quinta-feira um novo call center em Vieira do Minho e, na sexta-feira, está marcada uma greve geral dos trabalhadores da PT.

  • Protesto dos enfermeiros é "ilegal"
    2:37
  • O que resta do navio de salvamento mais famoso de Portugal?
    15:26

    Aqui há História

    Os baixios da barra do Tejo já foram cemitério de centenas de embarcações. Uma delas foi o Patrão Lopes, o navio de salvamento que saía para o mar quando todos fugiam das tempestades. Foram cinco dias em agonia até naufragar no Bugio, num caso que acabou na barra do tribunal. 80 anos depois, a SIC mergulhou no Patrão Lopes porque "Aqui Há História".

  • Sismo de magnitude 6.9 na Turquia

    Mundo

    Um forte sismo com magnitude 6.9 na escala de Richter fez-se sentir esta quinta-feira a sul da cidade turca de Bodrum. A informação foi avançada pela agência norte-americana de Geologia.