sicnot

Perfil

País

Grupos central e oriental dos Açores sob aviso vermelho

Os grupos oriental e central dos Açores vão estar na sexta-feira sob aviso vermelho devido à previsão de chuva e vento forte, informou hoje o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Segundo o IPMA, o grupo oriental (São Miguel e Santa Maria) e o central (Terceira, São Jorge, Graciosa, Pico e Faial) vão estar sob aviso vermelho entre as 3:00 e as 15:00 de sexta-feira devido à previsão de chuva e vento forte.

O aviso vermelho, o mais grave de uma escala de quatro, é identificado pelo IPMA como uma situação meteorológica de risco extremo, devendo as pessoas acompanharem a evolução das condições meteorológicas e seguir as orientações da Proteção Civil.

Os dois grupos dos Açores vão estar sob aviso laranja a partir das 12:00 de hoje e até às 3:00 de sexta-feira devido à chuva e vento, passando a partir dessa hora a 'Aviso Vermelho'.

Os dois grupos estão igualmente em situação de aviso amarelo relativamente à agitação marítima, prevendo-se ondas com seis a oito metros, entre as 00:00 e as 15:00 de sexta-feira.

O aviso laranja refere-se a uma situação meteorológica "de risco moderado a elevado", enquanto o aviso amarelo, o terceiro mais grave numa escala de quatro níveis, alerta para situações de risco para determinadas atividades dependentes das condições meteorológicas.

Na quarta-feira, o IPMA anunciou que o ciclone tropical Alex deve atingir os Açores na madrugada e na manhã de sexta-feira, situação que pode originar fenómenos extremos de chuva, vento e agitação marítima.

"Os vários modelos meteorológicos utilizados neste tipo de situação estão de acordo na trajetória do sistema, pelo que é de esperar que a tempestade atinja mesmo o arquipélago, especialmente durante a madrugada e manhã de sexta-feira", explicou Carlos Ramalho, da delegação regional dos Açores do IPMA.

Carlos Ramalho esclareceu que, "às 05:00 da manhã [de hoje], a tempestade estava a 905 quilómetros a sul-sudoeste dos Açores, com deslocamento para norte-nordeste, a uma velocidade de 30 quilómetros/hora".

"A partir da noite de hoje, com a aproximação da tempestade Alex, espera-se um aumento gradual da intensidade do vento, de 80 km/hora no grupo oriental (ilhas de Santa Maria e São Miguel), sendo que a influência será sentida de forma mais intensa a partir da madrugada e durante a manhã de sexta-feira", adiantou o meteorologista.

Quando atingir o arquipélago, os especialistas estimam que o vento será de 100 a 130 km/hora nos grupos oriental e central (ilhas Terceira, Faial, Pico, Graciosa e São Jorge), com "chuva forte e forte agitação marítima, com ondas de seis a oito metros para os dois grupos".

Um ciclone é uma depressão cujos ventos atingem velocidade elevada e, por norma, inclui precipitação, sendo uma situação que poderá originar fenómenos extremos de chuva, de vento e de agitação marítima, de acordo com o IPMA.

Entretanto, o Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores recomendou a desobstrução dos sistemas de escoamento das águas e a retirada de inertes e outros objetos que possam ser arrastados ou criem obstáculos ao livre escoamento, e a adequada fixação de estruturas soltas, como andaimes ou placards e outras estruturas montadas ou suspensas.

A Proteção Civil açoriana aconselha também a manter limpos os sistemas de drenagem e a consolidar telhados, portas e janelas, devendo a população ter especial cuidado na circulação junto da orla costeira e zonas ribeirinhas, não devendo praticar atividades relacionadas com o mar, nomeadamente pesca desportiva, desportos náuticos e passeios à beira-mar.

Lusa

  • O percurso dos rendimentos de Ronaldo
    3:43

    Desporto

    O Ministério das Finanças espanhol abriu uma investigação a Cristiano Ronaldo, por eventuais irregularides na declaração dos rendimentos da publicidade. A Gestifute, empresa do agente do avançado do Real Madrid, garante que Ronaldo tem os impostos em dia. A investigação aos documentos extraídos da plataforma informática Football Leaks, liderada pela revista alemã Der Spiegel, e da qual faz parte o jornal Expresso, conseguiu traçar o percurso dos rendimentos do melhor jogador do mundo.

  • Fábio Coentrão investigado por suspeita de delitos fiscais
    3:37

    Desporto

    O Ministério Público de Madrid acusou o defesa português Ricardo Carvalho de evasão fiscal e está a investigar Fábio Coentrão por eventuais delitos fiscais. Além dos dois portugueses a justiça acusou ainda o espanhol Xabi Alonso, o argentino Ángel Di María e investiga o colombiano Falcão. As investigações surgem depois da revelação do caso Football Leaks, investigada pelo Expresso e pelo consórcio europeu de jornalistas que tiveram acesso a milhões de documentos.

  • Mais cinco ilhas dos Açores sob aviso vermelho

    País

    O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) elevou esta quarta-feira para vermelho o aviso para as cinco ilhas do grupo central dos Açores, onde no Faial o vento atingiu os 150 quilómetros por hora.

  • Votações sobre o mapa judiciário geram tensão no Parlamento
    2:01

    País

    O momento das votações no Parlamento ficou marcado por alguma tensão. Depois de aprovadas, em comissão, as alterações ao mapa judiciário, o PSD opôs-se a que o diploma fosse votado em plenário, uma vez que não fazia parte da versão inicial do guião de votações. A esquerda acusou os sociais-democratas de terem motivações estritamente políticas e não regimentais.

  • Uma alternativa aos serviços de enfermagem ao domicílio
    7:34
  • As primeiras palavras de um dos sobreviventes da Chapecoense
    0:29
  • Familiares de vítimas procuram destroços do MH370
    1:48

    Voo MH370

    Um grupo de familiares das vítimas do avião das linhas aéreas da Malásia, desaparecido em 2014, procuram destroços do aparelho em Madagáscar. As autoridades malaias estudam a posssibilidade de uma nova operação de buscas.

  • Primeiro-ministro em lágrimas ao reencontrar refugiado que recebeu no Canadá em 2015

    Mundo

    Justin Trudeau desfez-se em lágrimas no reencontro com um refugiado sírio, que ele recebeu no Canadá em 2015. No ano passado, Trudeau recebeu pessoalmente os refugiados no aeroporto, onde foi visto a entregar casacos de inverno aos migrantes. Esta segunda-feira, o primeiro-ministro conheceu algumas das famílias que se estabeleceram no país, numa reunião filmada pela emissora canadiana CBC.