sicnot

Perfil

País

Ministro da Saúde compreende queixa-crime da família de jovem que morreu no S. José

O ministro da Saúde compreende a posição da família do jovem que morreu no Hospital de São José, em Lisboa, por alegada falta de assistência especializada, que hoje anunciou que vai apresentar uma queixa-crime.

À margem da cerimónia de posse do novo conselho diretivo do Infarmed, Adalberto Campos Fernandes disse aos jornalistas que esta decisão da família do doente é "compreensível" e que está a acompanhar estes últimos desenvolvimentos com "absoluta normalidade".

A família do jovem de 29 anos que morreu no Hospital São José, na madrugada de 14 de dezembro, vai apresentar uma queixa-crime "contra todos os envolvidos na cadeia de decisão" sobre a alegada falta de assistência ao jovem.

Em conferência de imprensa hoje em Lisboa, Francisco Manaio, tio de David Duarte, adiantou que a família pretende apurar todas as responsabilidades e saber se os meios do Serviço Nacional de Saúde (SNS) foram bem geridos.

A advogada deste caso, Cristina Malhão, adiantou que a queixa vai ser entregue ao Ministério Público (MP), em meados da próxima semana.

Lusa

  • Caso de David não é único no SNS

    País

    Vários médicos e enfermeiros garantem que o caso de David Duarte, que morreu à espera de ser operado, não é caso único. Fonte do Hospital de São Josédisse ao jornal Expresso que houve mais quatro doentes com rotura de aneurisma que também não sobreviveram ao sábado e ao domingo de espera, desde abril de 2014.

  • Quatro hospitais em Lisboa podiam ter feito cirurgia a David Duarte
    1:38

    País

    Desde 2014 que não há equipas de neurocirurgia vascular de escala aos fins de semana no Hospital de São José, porque os enfermeiros e os técnicos se recusam a trabalhar devido aos cortes de 50% impostos pelo anterior Governo. No caso de David Duarte, na semana passada, havia quatro hospitais, três públicos e um privado, disponíveis em Lisboa para operar ruturas de aneurisma. Mas nenhum foi contactado pelo Hospital de São José para operar o jovem.

  • Família de David Duarte pondera apresentar queixa no Ministério Público
    2:18

    País

    A família de David Duarte pondera apresentar uma queixa formal ao Ministério público por uma morte que acreditam podia ter sido evitada. Desde 2013 que o ex-ministro da Saúde tinha conhecimento da falta de especialistas ao fim de semana para o tratamento de aneurismas cerebrais em São José. A Ordem dos Médicos e o Bloco de Esquerda garantem que fizeram repetidos alertas.

  • Mãe de David Duarte pede justiça e quer que morte do filho sirva de exemplo
    0:20

    País

    Zelia Fonseca, mãe de David Duarte, pede justiça e promete fazer tudo para que a morte do filho sirva de exemplo e não se repitam outros casos. David Duarte, 29 anos, foi internado no Hospital de S. José no dia 11 de dezembro, tendo-lhe sido diagnosticado uma hemorragia cerebral provocada por um aneurisma e a precisar de uma intervenção cirúrgica rápida. David Duarte acabaria por morrer sem ter sido submetido à cirurgia por falta de neurocirurgião.

  • Lisboa assinala fim das obras no Saldanha
    2:39