sicnot

Perfil

País

Cândido Ferreira lamenta morte de "bom amigo"

O candidato presidencial Cândido Ferreira lamentou hoje a morte de António Almeida Santos, sublinhando que "morreu um bom amigo com quem trocava frequentemente livros e ideias".

"A sua morte empobrece a democracia e ensombra a campanha", escreve Cândido Ferreira numa nota hoje divulgada, aproveitando para enviar à família de Almeida Santos e ao PS "sinceras condolências".

Almeida Santos morreu na segunda-feira à noite em sua casa, em Oeiras.

O presidente honorário do Partido Socialista sentiu-se mal após o jantar e foi ainda assistido ainda na sua residência.

Almeida Santos, que completaria 90 anos a 15 de fevereiro, foi submetido por duas vezes a cirurgias cardiovasculares.

O corpo do fundador do PS estará em câmara ardente na Basílica da Estrela, em Lisboa, a partir das 17:00 de hoje, mas não haverá cerimónia religiosa, a pedido do próprio.

O corpo de Almeida Santos será cremado na quarta-feira, às 13:00, no cemitério do Alto de São João.

  • "É pesado dizer a miúdos que ainda ontem os pais estavam a ensinar o atar ténis que vão ficar em prisão preventiva"
    2:49
  • Pecado da gula ameaça maior anfíbio do mundo

    Mundo

    O maior anfíbio do mundo está em sério risco de extinção. Iguaria muito apreciada no Oriente, a salamandra-gigante-da-China já praticamente desapareceu do seu habitat natural, concluiu uma pesquisa realizada durante quatro anos. Em contraste, milhões de animais são reproduzidos em cativeiro e têm como destino restaurantes de luxo.

  • Gilberto Gil cancela atuação em Israel

    Cultura

    O músico brasileiro Gilberto Gil cancelou a atuação que tinha marcada para Telavive, em Israel, no dia 4 de julho, na sequência de protestos em Gaza durante os quais o exército daquele país matou 60 palestinianos.

  • Gases tóxicos expelidos pelo Kilauea ameaçam a população no Havai
    1:51