sicnot

Perfil

País

Sismo com magnitude de 4,1 sentido no concelho de Ponta Delgada, Açores

Um sismo com magnitude de 4,1 na escala de Richter foi hoje sentido no concelho de Ponta Delgada, ilha de São Miguel, Açores, anunciou a Proteção Civil, acrescentando que não foram reportados danos.

Segundo o Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores, que cita o Centro de Informação e Vigilância Sismovulcânica dos Açores (CIVISA), o sismo foi registado às 08:45 locais (mais uma hora em Lisboa) e teve epicentro a cerca de 48 quilómetros a oeste/noroeste dos Mosteiros, Ponta Delgada.

"De acordo com a informação disponível até ao momento, o sismo foi sentido com intensidade máxima II/III na Escala de Mercalli Modificada no concelho de Ponta Delgada", adiantou a mesma nota.

A Proteção Civil referiu que não há danos reportados do sismo, com epicentro no mar, acrescentando que, juntamente com o CIVISA, continua a acompanhar o evoluir da situação.

À população, a Proteção Civil esclarece que o eventual impacto destes efeitos pode ser minimizado através da adoção de comportamentos adequados, aconselhando a manter a calma e a contar com a existência de possíveis réplicas.

Não acender fósforos nem isqueiros e cortar imediatamente o gás, a eletricidade e a água, são outras das recomendações deste serviço, que apela a cuidados com vidros partidos, cabos de eletricidade e objetos metálicos que estejam em contacto com estes.

Em edifícios públicos, a população não deve precipitar-se para as saídas, nem utilizar os elevadores, aconselhando, ainda, o afastamento das praias e zonas ribeirinhas.

Entre outros conselhos, o Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores refere ainda que as pessoas, estando na rua, devem dirigir-se para um local amplo, protegendo-se de estruturas que eventualmente possam cair.

  • BE acusa direita de bloquear atual comissão à CGD
    1:37

    Caso CGD

    O Bloco de Esquerda acusa a oposição de estar a fazer tudo para impedir as conclusões da comissão de inquérito sobre a Caixa Geral de Depósitos que está em curso. Numa altura em que PSD e CDS já entregaram o requerimento para avançar com uma segunda comissão, Catarina Martins defende que ainda há muita coisa por apurar sobre o processo de recapitalização do banco público.

  • Visita de Costa a Angola pode estar em risco
    2:26

    País

    A visita de António Costa a Luanda poderá estar em risco devido à acusação da justiça portuguesa contra o vice-Presidente de Angola. O jornal Expresso avança que o comunicado com a reação dura do Governo angolano é apenas o primeiro passo e que pode até estar a ser preparado um conjunto de medidas contra Portugal. Para já, o primeiro-ministro português desvaloriza a ameaça e mantém a visita marcada para a primavera.