sicnot

Perfil

País

Governo garante presença de portugueses no novo Centro Europeu de Luta Contra o Terrorismo

A ministra da Administração Interna informou esta segunda-feira que Portugal vai ter oficiais de ligação no novo Centro Europeu de Luta Contra o Terrorismo (ECTC), no âmbito da Europol, apresentado oficialmente em Amesterdão (Holanda).

Constança Urbano de Sousa assegurou a presença de portugueses no novo centro "até para promover a partilha de informações entre todas as autoridades". (Arquivo)

Constança Urbano de Sousa assegurou a presença de portugueses no novo centro "até para promover a partilha de informações entre todas as autoridades". (Arquivo)

SIC

Em declarações à agência Lusa, no final do primeiro dia da reunião informal de ministros do Interior e da Justiça da União Europeia (UE), Constança Urbano de Sousa, assegurou a presença de portugueses no novo centro "até para promover a partilha de informações entre todas as autoridades".

Na cidade holandesa de Amesterdão, a ministra informou que o ECTC vai ser "fundamental para reforçar a partilha de informações entre os Estados membros, no que diz respeito a dados sobre combatentes estrangeiros".

Integrado na sede da Europol em Haia, o ECTC tem cerca de 40 analistas, mas os recursos deverão ser reforçados dentro de um mês, no âmbito do esforço dos países da UE em aumentar a troca de informações depois dos ataques de 13 de novembro, que mataram 130 pessoas em Paris.

O ECTC deverá concentrar o seu trabalho nos 5.000 cidadãos europeus que se radicalizaram, ao participar no conflito da Síria e do Iraque, "muitos dos quais regressaram e tornaram-se num, grave risco para a segurança", afirmou hoje o diretor da Europol, Rob Wainwright.

O dia de hoje dos ministros da UE foi dedicado ao contraterrorismo, cibersegurança e migrações.

Portugal está representado pela ministra da Administração Interna, Constança Urbano de Sousa, e da Justiça, Francisca Van Dunem.

Lusa

  • TAP recruta mais assistentes de bordo
    2:40

    Economia

    A TAP assegura que, ainda durante o mês de outubro, os problemas com falta de tripulação vão terminar. Até ao final do ano, vão ser contratados novos assistentes de bordo. Ainda assim, o sindicato diz que não chega.

  • "Facilitámos muito no lance do 5-1 e não pode ser"
    1:09

    Desporto

    No final do jogo, o treinador do Desportivo de Chaves, Luís Castro, admitiu o domínio completo do Sporting durante todo o encontro. Já Jorge Jesus deixou elogios a Daniel Podence, que foi aposta para este jogo. O treinador do Sporting ficou satisfeito com a exibição mas não gostou de sofrer o golo de honra da equipa flaviense.