sicnot

Perfil

País

Segurança Social multa milhares de lares e creches

A Segurança Social instaurou, entre março de 2014 e dezembro de 2015, 1124 processos de contraordenação com multas no valor de 15 milhões de euros a lares e creches.

O jornal Correio da Manhã avança que, no ano passado, foram encerrados 91 lares de idosos e 17 creches.

Segundo os últimos dados oficiais, a Segurança Social fiscalizou 680 lares e dos 91 encerrados, 13 foram fechados de urgência por perigo eminiente para a saúde e integridade dos utentes.

Em comparação com 2014 foram realizadas mais 37 fiscalizações e mais oito encerramentos com situações mais graves.

Relativamente às creches, foram fiscalizadas 281 no ano passado e, em 2014, tinham sido feitas 68 inspeções e mais sete encerramentos.

  • ASAE não encontrou nada que impeça instituição de Alfragide de funcionar
    2:12

    País

    Mais de 50 crianças e cerca de duas dezenas de adultos foram assistidos em hospitais da Grande Lisboa, devido a uma intoxicação alimentar numa escola e lar de idosos de Alfragide. A instituição gerida pela Santa Casa da Misericórdia fez saber que vai funcionar normalmente esta quarta-feira, depois de uma vistoria das autoridades de saúde e da ASAE nada ter encontrado que o impedisse. Na origem da intoxicação alimentar terá estado o bacalhau servido ao almoço a cerca de 500 pessoas. A SIC falou com a mãe de uma das crianças, Paula Santos.

  • Obrigada a vir dos EUA, de 3 em 3 semanas, para ver o filho
    2:00

    País

    O episódio de hoje de Vidas Suspensas envolve uma médica dentista norte-americana e um empresário português. Um exemplo do que acontece a muitos portugueses que casam com estrangeiros: quando se divorciam, coloca-se a questão de saber para que país vão os filhos.

    Hoje na SIC

  • "Não era o jogo ideal para estreia do videoárbitro"
    4:50
  • Uma em cada dez crianças já foi vítima de cyberbullying
    10:41
  • "Sou Presidente de uma pátria com os melhores bombeiros do mundo"
    1:20

    País

    O Presidente da Liga dos Bombeiros, Jaime Marta Soares, avisou este domingo o Governo de que os bombeiros admitem usar o machado da paz para fazer a guerra. Marcelo Rebelo de Sousa destacou o orgulho que sente em ser "Presidente de uma pátria que tem os melhores bombeiros do mundo".