sicnot

Perfil

País

Autor da ameaça de bomba em Faro tem 35 anos e é reformado

A Polícia Judiciária anunciou esta terça-feira que o autor da falsa ameaça de bomba no aeroporto de Faro, Algarve, foi interrogado como arguido e libertado depois, tendo, no entanto, ficado sujeito a termo de identidade e residência. O homem, de 35 anos, é solteiro e reformado.

O Aeroporto de Faro esteve sob alerta laranja durante três horas, sem perturbar a realização de outros voos.

O Aeroporto de Faro esteve sob alerta laranja durante três horas, sem perturbar a realização de outros voos.

LUSA

Em causa está um homem de 35 anos, que fez o telefonema a alertar as autoridades para a alegada presença de um engenho explosivo num avião da TAP que ia fazer a ligação entre Faro e Lisboa, precisou a Polícia Judiciária (PJ).

Num curto comunicado, a Direção Nacional da Polícia Judiciária (PJ) informou que, "através da Diretoria do Sul, identificou um homem que, no dia de hoje, pelas 06:00, através de um telefonema, fez crer que o primeiro avião a descolar do Aeroporto Internacional de Faro possuía um engenho explosivo a bordo".

"O suspeito foi interrogado como arguido e prestou termo de identidade e residência. O Ministério Público determinou que o arguido, solteiro, reformado, de 35 anos de idade, aguarde os ulteriores trâmites do processo sujeito à medida de coação já prestada", acrescentou a PJ.

A falsa ameaça de bomba reteve no Aeroporto de Faro 38 passageiros durante mais de quatro horas, disse à Lusa fonte policial.

De acordo com a mesma fonte, o autor da ameaça de bomba chegou ao início da tarde às instalações da diretoria de Faro da PJ, onde foi ouvido, após a polícia ter conseguido localizar a origem dos telefonemas a alertar para a existência do engenho explosivo a bordo do avião.

A aeronave, que deveria ter partido para Lisboa às 06:05, foi inspecionada por elementos da Brigada de Minas e Armadilhas da PSP de Faro, que não encontrou qualquer objeto suspeito.

Os 38 passageiros a bordo foram retirados em segurança e transportados para Lisboa em outro aparelho, às 11:20.

O Aeroporto de Faro esteve sob alerta laranja durante três horas, sem perturbar a realização de outros voos.

Lusa

  • Reclusos que fugiram de Caxias tiveram cúmplices
    1:59

    País

    Uma falha de Portugal poderá explicar a libertação de um dos dois chilenos que fugiram de Caxias e foram apanhados em Espanha. As autoridades portuguesas atrasaram-se a enviar o mandado de detenção e a polícia espanhola libertou o fugitivo. Na investigação da fuga, acredita-se que os 3 reclusos tiveram cúmplices e a namorada de um deles já foi interrogada.

  • Jovem indiano acorda a caminho do próprio funeral

    Mundo

    Um jovem indiano chocou os seus parente e amigos, depois de acordar no caminho para o seu próprio funeral. No mês antes, Kumar Marewad foi levado para o hospital após ser mordido por um cão de rua, ficando em estado grave.

  • Bilhete de desculpas valeu uma bolsa de estudo

    Mundo

    Um jovem chinês ganhou uma bolsa de estudos no valor de 10 mil yuan (cerca de 1.380 euros), depois de danificar acidentalmente um carro de luxo. Isto, porque após os estragos, o jovem deixou um bilhete de desculpas ao dono, assim como todo o dinheiro que tinha com ele, como compensação.