sicnot

Perfil

País

Parlamento vai ouvir autarquias e veterinários para acabar com abates em canis

O grupo de trabalho parlamentar criado para deliberar sobre duas propostas que pretendem acabar com o abate de animais em canis municipais decidiu esta quarta-feira ouvir os municípios, as freguesias e os veterinários, entre outras entidades, nomeadamente associações de animais.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Mariana Bazo / Reuters

Entre as entidades que o Parlamento quer ouvir estão a Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP), a Associação Nacional de freguesias (Anafre), a Ordem dos Médicos Veterinários, a Associação Nacional de Veterinários Municipais e a Direção Geral de Veterinária.

Os deputados pretendem também ouvir a PSP, a GNR, a Autoridade Nacional de Proteção Civil, diversas associações de defesa dos animais e também criadores de animais, nomeadamente de raças caninas portuguesas.

Em causa estão dois projetos de lei, um proposto pelo PAN a partir de uma iniciativa de uma plataforma de cidadãos e outro do PCP.

A iniciativa legislativa de cidadãos, apoiada pelo partido Pessoas-Animais-Natureza (PAN), pretende acabar com os abates nos canis de animais de companhia, estando associadas medidas como a regulamentação da criação de animais e a sua comercialização.

Entre outras medidas, defende a promoção da adoção de animais e campanhas de esterilização.

A proposta de projeto de lei do Partido Comunista Português (PCP) pretende aprovar "medidas para a criação de uma rede de centros de recolha oficial de animais e para a modernização dos serviços municipais de veterinária".

As propostas foram aprovadas a 11 de dezembro no parlamento e baixaram à Comissão de Ambiente, Ordenamento do Território, Descentralização, Poder Local e Habitação, estando em trabalhos de especialidade até meados de março, após o que deverão voltar à discussão e votação na generalidade.

Lusa

  • Associação alemã vem a Portugal buscar animais para adoção
    2:57

    País

    Há três anos que uma associação de proteção animal da Alemanha vai a Torre de Moncorvo buscar cães abandonados para serem enviados para adoção nesse país. A associação alemã foi alertada para a situação de abandono e já salvou mais de 100 animais do abate. Os animais têm de estar vacinados e identificados para viajar para a Alemanha e o canil de Moncorvo exige termo de responsabilidade que garanta adoção.

  • PS acusa PSD e CDS de falta de agenda política
    1:01

    Caso CGD

    O PS considera o anúncio desta nova comissão parlamentar de inquérito à Caixa Geral de Depósitos um ataque doentio de PSD e CDS ao ministro das Finanças, que visa apenas desviar as atenções dos bons resultados da economia portuguesa. O deputado socialista João Paulo Correia diz que falta agenda política aos partidos de direita.

  • "Fiz coisas de que me envergonho"
    2:31
  • Mulheres heterossexuais têm menos orgasmos que as lésbicas

    Mundo

    As mulheres heterossexuais têm menos orgasmos que as lésbicas ou bissexuais, ou mesmo que todos os homens hetero, homo ou bissexuais. O estudo que dá conta desta realidade revela também o que fazer para aumentar as hipóteses de uma mulher alcançar um orgasmo.