sicnot

Perfil

País

João Cotrim de Figueiredo abandona Turismo de Portugal

João Cotrim de Figueiredo deixou a presidência do Turismo de Portugal, dois anos depois de ter sido escolhido para o cargo pelo secretário de Estado do Turismo do anterior governo, Adolfo Mesquita Nunes.

SIC

O antigo presidente do Turismo de Portugal já comunicou a decisão ao Ministério da Economia e defende que é "uma decisão que tomo em consciência, numa altura em que o país se pode orgulhar do desempenho do Turismo em Portugal. Na base do inegável sucesso do setor em anos recentes está não só o notável trabalho das empresas e das entidades públicas, mas, também, a estratégia vencedora do Turismo de Portugal executada com profissionalismo e independência", apesar de não prestar declarações sobre as causas que levaram à sua demissão.

Cotrim de Figueiredo assumiu o cargo de presidente do Turismo de Portugal a 8 de dezembro de 2013, com um mandato de cinco anos que agora foi interrompido, menos de um mês depois de o seu nome ter sido anunciado como o eleito para substituir Frederico Costa, que tinha saído do cargo em outubro desse ano.

Contactado pela SIC, o gabinete de Manuel Caldeira Cabral limita-se a confirmar que o gestor colocou o lugar à disposição e avança que deverá agora dar início aos procedimentos necessários para encontrar sucessor.

  • Cinco anos depois do incêndio na Serra do Caldeirão
    5:24
  • Destaques económicos que marcaram a semana
    2:03

    Economia

    A semana ficou marcada pela tragédia provocada pelos incêndios no centro do país. No entanto importa olhar para o que se passou noutras áreas e fazer um resumo das notícias relacionadas com a economia. 

  • Martin Schulz ataca Merkel a três meses das legislativas

    Mundo

    O social-democrata alemão Martin Schulz passou este domingo à ofensiva, a três meses das eleições legislativas, ao acusar Angela Merkel de "arrogância" e de sabotar a "democracia", quando as sondagens apontam para uma larga vantagem da chanceler da Alemanha.

  • Martha, a cadela mais feia do mundo
    0:42

    Mundo

    A cadela Martha, de raça mastim napolitano ficou em primeiro lugar na edição anual do concurso que elege os cães mais feios do mundo. A cadela tem três anos, pesa 57 quilos e foi resgatada pela dona quando estava praticamente cega. Acabou por recuperar a visão depois de várias operações. Martha e a dona receberam um prémio de 1.500 dólares e uma viagem a Nova Iorque para marcarem presença em programas de televisão.