sicnot

Perfil

País

Crianças de grupos de risco serão as primeiras a ser vacinadas com BCG

A vacina BCG, que tem estado indisponível em Portugal, vai hoje começar a ser distribuída pelas administrações regionais de saúde (ARS), sendo depois chamadas, pelas unidades de saúde para vacinação, as crianças de grupos de risco.

Arquivo Reuters

Arquivo Reuters

© Ina Fassbender / Reuters

Uma falha de produção do laboratório que fabrica a BCG (contra a tuberculose) para a Europa esteve na origem dos problemas de fornecimento da vacina em Portugal, que começaram em março do ano passado.

Segundo uma nota oficial do Ministério da Saúde, a distribuição das vacinas pelas ARS e pelas regiões autónomas da Madeira e dos Açores vai hoje arrancar.

Estas vacinas destinam-se a crianças com menos de seis anos, pertencentes a grupos de risco, como: provenientes de países com elevada incidência de tuberculose; que coabitem ou convivam com portadores de VIH/sida ou dependentes de droga e álcool; que pertençam a comunidades com risco elevado de tuberculose; ou viajantes para países com elevada incidência de tuberculose.

"Portugal já faz parte dos países desenvolvidos com baixo risco de infeção por tuberculose, e tem um sistema de informação eficaz para monitorizar a doença", refere o comunicado do Ministério.

Adianta que a vacinação é da responsabilidade a nível local (unidades de saúde), com as crianças de risco a serem identificadas pelas respetivas unidades de saúde e convocadas para vacinação.

O Ministério recorda que a vacina BCG pode ser dada na mesma altura em que se administram outras vacinas do Programa Nacional de Vacinação.

Lusa

  • Cinco anos depois do incêndio na Serra do Caldeirão
    5:24
  • Destaques económicos que marcaram a semana
    2:03

    Economia

    A semana ficou marcada pela tragédia provocada pelos incêndios no centro do país. No entanto importa olhar para o que se passou noutras áreas e fazer um resumo das notícias relacionadas com a economia. 

  • Martin Schulz ataca Merkel a três meses das legislativas

    Mundo

    O social-democrata alemão Martin Schulz passou este domingo à ofensiva, a três meses das eleições legislativas, ao acusar Angela Merkel de "arrogância" e de sabotar a "democracia", quando as sondagens apontam para uma larga vantagem da chanceler da Alemanha.

  • Martha, a cadela mais feia do mundo
    0:42

    Mundo

    A cadela Martha, de raça mastim napolitano ficou em primeiro lugar na edição anual do concurso que elege os cães mais feios do mundo. A cadela tem três anos, pesa 57 quilos e foi resgatada pela dona quando estava praticamente cega. Acabou por recuperar a visão depois de várias operações. Martha e a dona receberam um prémio de 1.500 dólares e uma viagem a Nova Iorque para marcarem presença em programas de televisão.