sicnot

Perfil

País

Ciclista levado pela corrente do rio Vouga em Albergaria-a-Velha

Um ciclista foi hoje arrastado pelas águas do rio Vouga, quando circulava na estrada da Cambeia, que liga a ponte de Cacia a Angeja, em Albergaria-a-Velha, disse à Lusa fonte da corporação local de Bombeiros.

O alerta foi dado às 17:14 por populares que viram o homem a ser levado pela corrente, disse o comandante dos Bombeiros de Albergaria-a-Velha, José Valente.

Segundo a mesma fonte, o homem estava a tentar atravessar a estrada, que estava inundada devido às fortes chuvas dos últimos dias.

De imediato foram acionados para o local meios dos Bombeiros de Albergaria-a-Velha e iniciadas as buscas com uma equipa de recuperadores aquáticos, auxiliados por um barco, uma mota de água e cinco viaturas.

As buscas para encontrar o homem foram suspensas, cerca das 19:00, por falta de condições de segurança e visibilidade e vão ser retomadas logo que possível, disse o comandante José Valente

No local estiveram ainda a Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) do Hospital de Aveiro, além da GNR.

Lusa

  • Mau tempo: veja aqui o que se passa na sua zona

    País

    A meteorologia agravou os níveis de alerta de mau tempo, especialmente devido ao vento forte e à agitação marítima. Várias localidades estão a passar por situações complicadas. Verifique na tabela que está aqui em baixo qual é o ponto de situação da sua zona.

  • Escritor e filólogo Frederico Lourenço distinguido com o Prémio Pessoa 2016

    Cultura

    O escritor, tradutor, professor universitário Frederico Lourenço foi distinguido com o Prémio Pessoa 2016. O anúncio foi feito hoje pelo presidente do júri, Francisco Pinto Balsemão, no Palácio de Seteais, em Sintra, sublinhando que a atividade de Frederico Lourenço tem como "traço singular" ter oferecido "à língua portuguesa as grandes obras de literatura clássica".

  • Governo garante que Portugal não desperdiçou nenhum fundo de ajuda alimentar
    1:18

    País

    O ministro da Solidariedade e Segurança Social garante que Portugal não desperdiçou nenhum fundo europeu de ajuda alimentar. Vieira da Silva respondeu, esta manhã, à notícia avançada pelo Jornal de Notícias que dava conta de que, este ano, o país teria desperdiçado 28 milhões de euros de um fundo europeu porque o programa ainda não está operacional. O ministro garante que o programa vai ser executado em 2017 e que este ano serviu para tomar medidas no sentido dessa implementação. Vieira da Silva assegura também que o montante disponível para o programa não foi desperdiçado e vai poder ser usado.

  • Sporting de Braga eliminado da Liga Europa
    2:01
  • Explosão no Cairo faz seis mortos

    Mundo

    Seis pessoas morreram hoje numa explosão junto a um posto de controlo da polícia no Cairo, indicaram os meios de comunicação social e responsáveis egípcios.