sicnot

Perfil

País

Prisão preventiva para quatro suspeitos de tráfico de droga em Vila Nova de Milfontes

Quatro dos seis suspeitos de tráfico de droga detidos na quinta-feira em Vila Nova de Milfontes, concelho de Odemira, distrito de Beja, vão aguardar julgamento em prisão preventiva, disse hoje à agência Lusa fonte da GNR.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Steve Dipaola / Reuters

Segundo a mesma fonte, os seis homens foram submetidos na sexta-feira e hoje a primeiro interrogatório judicial na Instância Local de Odemira do Tribunal da Comarca de Beja, que decretou a quatro deles a medida de coação mais grave, ficando três a aguardar julgamento no Estabelecimento Prisional de Beja e outro no Estabelecimento Prisional de Silves.

Os outros dois suspeitos ficaram sujeitos a apresentações bissemanais como medida de coação.

Segundo o Comando Territorial de Beja da GNR, os suspeitos, cinco portugueses e um estrangeiro, com idades entre os 21 e os 33 anos, foram detidos na sequência de sete buscas domiciliárias, no âmbito de uma operação de combate ao tráfico e consumo de estupefacientes.

Nas buscas foi aprendida droga, nomeadamente 57 doses individuais de ecstasy, 76 de cocaína, 302 de haxixe, 40 de canábis e 285 sementes deste tipo de estupefaciente.

Foram também apreendidas três armas de fogo e várias munições, três armas brancas e quatro petardos, 20 telemóveis e 2.801 euros em numerário e vários objetos conotados e utilizados no tráfico, assim como uma viatura de alta cilindrada.

Também foram apreendidos, artigos normalmente utilizados em ações criminosas violentas tais como gorros e sinalizadores luminosos laser.

A operação foi desenvolvida pelo Comando Territorial de Beja da GNR, através das valências de investigação criminal, territorial e intervenção, reforçada por militares da Unidade de Intervenção da Guarda Nacional Republica.

A investigação deste caso já decorria há cerca de três meses.

Lusa

  • Sismo de magnitude 4,0 provoca um morto em Nápoles

    Mundo

    Um sismo de magnitude 4,0 na escala de Richter atingiu esta segunda-feira a ilha de Ísquia no golfo de Nápoles, no mar Tirreno, no sul de Itália. De acordo com o jornal La Stampa uma mulher terá morrido e dois feridos estarão em perigo de vida.

  • A easyJet não está a oferecer bilhetes no Facebook. Cuidado, é uma burla

    País

    Se esteve no Facebook nos últimos dias, provavelmente reparou na oferta de dois bilhetes para uma viagem da easyJet, a propósito do 22.º aniversário da companhia aérea britânica. Uma viagem para dois tinha tudo para correr bem, não fosse um esquema de burla, criado para obter os dados pessoais dos utilizadores que partilham a publicação na rede social.

  • Brasileiros procuram Portugal
    3:59

    País

    Viver em Portugal é hoje em dia um grande sonho da classe média brasileira. De acordo com o Ministério dos Negócios Estrangeiros, só em 2016, o número de vistos de residência aumentarem em mais de 30%. A língua, a segurança e a qualidade de vida são as razões apontadas para a mudança. Todos os dias, no consulado português no Rio de Janeiro, para a obtenção de vistos.

  • Big Ben em silêncio durante quatro anos
    2:15

    Mundo

    Esta segunda-feira ficou marcada pelas últimas badaladas dos famosos sinos do Big Ben, em Londres, no Reino Unido. A torre, na qual está instalada o relógio mais famoso do mundo, vai entrar em obras e os sinos só vão voltar a tocar em 2021.

  • Garrafa lançada ao mar em Rhodes recebe resposta de Gaza
    1:43

    Mundo

    A história parece de filme, mas aconteceu numa praia de Gaza. Um casal britânico lançou uma garrafa com uma mensagem ao mar, em julho, na ilha grega de Rhodes. A garrafa foi encontrada por um pescador numa praia de Gaza, que aproveitou para enviar a resposta, na qual falou sobre as restrições impostas por Israel.