sicnot

Perfil

País

Mantém-se nível de alerta amarelo em Portugal até às 08:00 de segunda-feira

A Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) anunciou hoje que vai manter o nível de alerta amarelo em Portugal até às 08:00 de segunda-feira, esperando-se um desagravamento a partir dessa hora.

PAULO NOVAIS

Esta informação foi prestada pelo comandante operacional nacional, José Manuel Moura, em conferência de imprensa para apresentação de um ponto de situação sobre o mau tempo e perspetivas para as próximas horas.

"Em termos de previsão meteorológica, só a partir de segunda-feira é que temos algum desagravamento das várias variáveis, nomeadamente, do vento e da agitação marítima, o que quer dizer que o dia de hoje ainda será um dia muito intenso, com muita atividade operacional e, sobretudo, a merecer por parte da população uma atenção redobrada", afirmou José Manuel Moura.

De acordo com o comandante operacional nacional, desde que foi determinado o estado de alerta amarelo, na passada sexta-feira, até às 13:00 de hoje, foram registadas 1.669 ocorrências envolvendo mais de 5.500 operacionais.

Por tipologia de ocorrências, do total registado, assinalaram-se 393 quedas de árvores, 249 movimentos de massa, 599 inundações e 166 quedas de estruturas, referiu o comandante operacional nacional, destacando as zonas Norte e Centro do país como as mais afetadas pelo mau tempo.

O nível de alerta amarelo é o terceiro mais grave de quatro níveis da proteção civil e significa a previsão de ocorrência de fenómenos que, não sendo invulgares, podem representar um dano potencial para pessoas e bens.

A propósito da situação meteorológica em Portugal, o ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, afirmou hoje em Milão que o Governo está "a acompanhar a situação das cheias em Portugal e dos problemas que isso causa também aos comerciantes".

"Estamos neste momento a estudar e a analisar o problema. O secretário de Estado do Comércio está a acompanhar e a ver, junto do terreno, quais as necessidades e problemas criados", disse o ministro.

Entretanto, a circulação de comboios no sentido sul-norte entre Aveiro e Estarreja foi hoje reposta cerca do meio-dia, depois de ter estado interrompida devido ao mau tempo, informou a Infraestruturas de Portugal (IP).

Está ainda interrompida, sem previsão de reposição, a circulação no troço entre Alfarelos e Taveiro, na Linha do Norte, por inundação da via.

Também na Linha do Vouga continua interrompida a circulação de comboios entre Aveiro e Eirol, por inundação da via e uma vez que foi afetada a infraestrutura de suporte.

Relativamente às estradas nacionais, há vários troços condicionados, sobretudo no Norte e Centro do país.

Lusa

  • Pablo Bravo: o chileno suspeito de um assalto milionário em Gaia
    6:01

    País

    As autoridades receiam um aumento da violência nos assaltos de redes sul-americanas em Portugal, à semelhança do que tem acontecido noutros países europeus. Pablo Bravo é um chileno com um longo cadastro criminal que, em Portugal, é suspeito de um assalto milionário a um hipermercado, em Gaia e, dias depois, foi detido em flagrante, em Paris, a tentar roubar uma loja de relógios de luxo.

    Notícia SIC

  • Obras para as novas instalações da SIC já começaram
    1:54

    País

    As obras do novo estúdio da SIC e SIC Notícias vão começar. A ampliação do edifício do grupo Impresa vai unir os funcionários do grupo num único espaço, com uma área de 750 metros. O Presidente da Câmara de Oeiras entregou esta terça-feira a licença de obra.

  • Já há destinos esgotados para o Carnaval e Páscoa
    3:08

    Economia

    A procura de viagens na altura do Carnaval e Páscoa tem vindo a aumentar e vários destinos já estão esgotados já que muitas pessoas optam por tirar dias de férias nesta altura do ano. Em contagem decrescente, as agências de viagens não têm tido mãos a medir com promoções e ofertas para destinos variados e adequados a várias bolsas.

  • As crianças que estão a morrer à fome em África

    Mundo

    A UNICEF alertou esta terça-feira que a má nutrição aguda que afeta a Nigéria, Somália, Sudão do Sul e Iémen coloca este ano em "iminente" risco de morte 1,4 milhões de crianças devido à fome que existe naqueles países. São milhares de casos de um incessante desespero numa luta diária pela sobrevivência.

  • Cães desfilam no Rio de Janeiro
    1:00

    Mundo

    O tradicional cortejo de Carnaval brasileiro só acontece daqui a uns dias, mas no Rio de Janeiro já há inúmeros desfiles pelas ruas. Na praia de Copacabana, os animais mascararam-se de humanos.