sicnot

Perfil

País

Autoridades procuram tripulante de barco a remos que tentava recorde no Atântico

Meios marítimos e aéreos tentam localizar um tripulante de um barco a remos que desapareceu a cerca de 2.500 quilómetros a sudoeste de São Miguel, Açores, quando tentava bater o recorde da travessia a remo do Atlântico.

Segundo a Marinha, a embarcação a remos Toby Wallace tinha o objetivo de bater o recorde da travessia a remos do Atlântico, tendo largado das Canárias com destino a Barbados a 28 de janeiro último, com oito tripulantes, mas um deles "está desaparecido no mar".

A embarcação encontrava-se a cerca de 1.343 milhas náuticas, a sudoeste da ilha de São Miguel, quando foi dado o alerta, pelas 00:10 de hoje e a operação está a ser feita, desde a madrugada, em articulação com o Centro de Busca e Salvamento Marítimo de Ponta Delgada (MRCC Delgada), o Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Aéreo das Lajes (RCC Lajes) e o MRCC Falmouth (Inglaterra).

Uma fonte do MRCC de Ponta Delgada adiantou à Lusa que os restantes sete tripulantes encontram-se bem na embarcação e assim que possível serão resgatados.

De acordo com informação disponível no portal da Marinha, o pedido de auxílio foi desencadeado através do MRCC Falmouth, relatando que um dos tripulantes tinha caído à água, sendo de "imediato solicitado o auxílio de um navio mercante, o cargueiro MV Sea Pearl, que se encontrava a navegar a cerca de 127 minhas náuticas de distância".

Foram igualmente ativadas a corveta António Enes, uma aeronave P3 Orion da Força Aérea Portuguesa e uma aeronave Falcon-50 da Marinha Francesa (que se encontrava em Dakar, Senegal), acrescenta a Marinha.

O Falcon da Marinha Francesa já cessou, contudo, as buscas na área "de maior probabilidade de deteção do náufrago", onde se mantém ainda o cargueiro 'MV Sea Pearl' e o P3 Orion da Força Aérea Portuguesa, que já estabeleceram contacto com os sete tripulantes a bordo do Toby Wallace.

Lusa

  • O percurso dos rendimentos de Ronaldo
    3:43

    Desporto

    O Ministério das Finanças espanhol abriu uma investigação a Cristiano Ronaldo, por eventuais irregularides na declaração dos rendimentos da publicidade. A Gestifute, empresa do agente do avançado do Real Madrid, garante que Ronaldo tem os impostos em dia. A investigação aos documentos extraídos da plataforma informática Football Leaks, liderada pela revista alemã Der Spiegel, e da qual faz parte o jornla Expresso, conseguiu traçar o percurso dos rendimentos do melhor jogador do mundo.

  • Fábio Coentrão investigado por suspeita de delitos fiscais
    3:37

    Desporto

    O Ministério Público de Madrid acusou o defesa português Ricardo Carvalho de evasão fiscal e está a investigar Fábio Coentrão por eventuais delitos fiscais. Além dos dois portugueses a justiça acusou ainda o espanhol Xabi Alonso, o argentino Ángel Di María e investiga o colombiano Falcão. As investigações surgem depois da revelação do caso Football Leaks, investigada pelo Expresso e pelo consórcio europeu de jornalistas que tiveram acesso a milhões de documentos.

  • Mais cinco ilhas dos Açores sob aviso vermelho

    País

    O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) elevou esta quarta-feira para vermelho o aviso para as cinco ilhas do grupo central dos Açores, onde no Faial o vento atingiu os 150 quilómetros por hora.

  • Uma alternativa aos serviços de enfermagem ao domicílio
    7:34
  • As primeiras palavras de um dos sobreviventes da Chapecoense
    0:29
  • Familiares de vítimas procuram destroços do MH370
    1:48

    Voo MH370

    Um grupo de familiares das vítimas do avião das linhas aéreas da Malásia, desaparecido em 2014, procuram destroços do aparelho em Madagáscar. As autoridades malaias estudam a posssibilidade de uma nova operação de buscas.

  • Primeiro-ministro em lágrimas ao reencontrar refugiado que recebeu no Canadá em 2015

    Mundo

    Justin Trudeau desfez-se em lágrimas no reencontro com um refugiado sírio, que ele recebeu no Canadá em 2015. No ano passado, Trudeau recebeu pessoalmente os refugiados no aeroporto, onde foi visto a entregar casacos de inverno aos migrantes. Esta segunda-feira, o primeiro-ministro conheceu algumas das famílias que se estabeleceram no país, numa reunião filmada pela emissora canadiana CBC.