sicnot

Perfil

País

PCP diz que solução do Governo PS para a TAP não serve interesses do país

O PCP afirmou hoje que a solução encontrada pelo Governo PS para a TAP "não serve os interesses do país", considerando lamentável que "muitos dos que choram sobre o leite derramado" tenham apoiado as decisões do executivo PSD/CDS-PP.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Paulo Whitaker / Reuters

"Esta solução encontrada pelo Governo do PS não corresponde, não serve os interesses do país até porque mesmo recuperando parte do capital para o Estado, a gestão da empresa mantém-se privada", afirmou o líder parlamentar comunista, João Oliveira, em declarações no parlamento.

O presidente da Câmara Municipal do Porto, Rui Moreira, tem sido um dos protagonistas políticos mais ativos contra a decisão de descontinuação de diversas rotas aéreas da TAP a partir do aeroporto Sá Carneiro, em Pedras Rubras.

"É uma pena que só se tenham lembrado do Porto agora. Quando o anterior Governo teve em curso o processo de privatização, quando essas preocupações já se colocavam todas era preciso ter juntado forças. Infelizmente, muitos daqueles que hoje choram sobre o leite derramado, na altura devida não tomaram as posições que deviam e acompanharam até as posições do Governo PSD/CDS", criticou João Oliveira.

Para o PCP, "o controlo e propriedade públicos da TAP são condições decisivas para que ela possa cumprir o seu papel estratégico".

"No seu papel estratégico incluem-se rotas que correspondem a conceções de unidade do Estado, igualdade de tratamento entre portugueses e de desenvolvimento intra e inter-regional", destacou o chefe da bancada parlamentar comunista.

Entretanto, a TAP reiterou que as quatro rotas europeias canceladas a partir do Porto (Bruxelas, Barcelona, Roma e Milão) representavam um prejuízo de 8,02 milhões de euros.

Segundo o acordo entre o Governo PS e o consórcio Gateway, o Estado vai pagar 1,9 milhões de euros para ficar com 50% da empresa (em vez de 34% negociados pelo anterior executivo PSD/CDS), enquanto o consórcio privado vai passar de 61% do capital da companhia para 45%, podendo chegar aos 50%, com a aquisição do capital à disposição dos trabalhadores.

O Estado passa ainda a nomear o presidente do conselho de administração da companhia aérea, composto por 12 elementos - seis escolhidos pelo Estado e seis pelo consórcio privado. Já a comissão executiva, liderada por Fernando Pinto, terá três membros, nomeados pelos acionistas privados.

Os comunistas prometem continuar a "escrutinar, de forma tão apertada quanto possível" as "opções estratégicas" que vierem a ser tomadas pelos responsáveis daquela transportadora aérea, sobretudo, "a nível parlamentar".

Lusa

  • "Às vezes o senhor primeiro-ministro irrita-me um bocadinho"
    2:05

    País

    O Presidente da República disse esta quinta-feira de manhã que António Costa é "irritantemente otimista" por teimar em "ver violeta-rosa onde há roxo". Marcelo Rebelo de Sousa recordou ainda Mário Soares numa aula no Colégio Moderno, em Lisboa.

  • Pyongyang cria vídeo a simular ataque a navios dos EUA
    2:00

    Mundo

    Os Estados Unidos da América pretendem reforçar as sanções à Coreia do Norte e investir nos esforços diplomáticos. Contudo, a tensão militar persiste. Pyongyang emitiu um vídeo em que simula um ataque a navios norte-americanos.

  • Cientistas testam útero artificial em cordeiros prematuros

    Mundo

    Um grupo de cientistas desenvolveu um útero artificial - o Biobag - que se assemelha a uma bolsa de plástico e que ajuda no desenvolvimento de cordeiros prematuros. O método foi testado nestes animais mas os cientistas do Hospital Pediátrico de Filadélfia, nos Estados Unidos, garantem que poderá vir a ser utilizado também em bebés que nascem prematuros.

  • Exame ao sangue descobre cancro um ano antes do reaparecimento

    Mundo

    Uma equipa de investigadores britânicos descobriu uma maneira de identificar o regresso do cancro, com um ano de antecedência. Através de um exame ao sangue, a equipa conseguiu identificar os primeiros sinais da doença, uma série de células invisíveis ao raio-X e à TAC. A descoberta pode vir a permitir tratar o cancro mais cedo e, como resultado, poderá aumentar as chances de o curar.

  • Casados há 69 anos, morrem de mãos dadas com 40 minutos de diferença

    Mundo

    Isaac Vatkin, de 91 anos, morreu cerca de 40 minutos depois de Teresa, de 89 anos, no passado sábado no Highland Park Hospital, no estado norte-americano Ilinóis. "Não queríamos que fossem embora, mas não podíamos pedir que partíssem de melhor maneira", afirmou o neto William Vatkin. O casal morreu no hospital poucos dias depois de celebrarem 69 anos de casados.

  • Trump cria linha de apoio a vítimas de "extraterrestres criminosos"

    Mundo

    Quando o Governo norte-americano usa o termo "extraterrestre criminoso", refere-se a alguém que não é cidadão dos Estados Unidos da América e que foi condenado por um crime. Quando a mesma expressão é usada pelos utilizadores do Twitter, o significado é completamente diferente. Os internautas pensam na série Ficheiros Secretos e em discos voadores. Por isso, o lançamento de uma linha telefónica, por parte da Casa Branca, para as vítimas de "extraterrestres criminosos" só podia dar em confusão.