sicnot

Perfil

País

Bárbara Guimarães vai pedir o afastamento da juíza do caso de violência doméstica

A defesa de Bárbara Guimarães vai pedir o afastamento da juíza do caso de violência doméstica que opõe a apresentadora ao ex-marido. O requerimento que esta quinta-feira vai fazer chegar ao Tribunal da Relação justifica o pedido de recusa de juiz com a "suspeita de imparcialidade" da magistrada Joana Ferrer Antunes, baseada nas declarações da juíza durante a primeira audiência do julgamento.

Bárbara Guimarães afirmou ao Tribunal Criminal de Lisboa que o ex-marido, Manuel Maria Carilho, "virava um monstro".

Bárbara Guimarães afirmou ao Tribunal Criminal de Lisboa que o ex-marido, Manuel Maria Carilho, "virava um monstro".

SIC

Também o Ministério Público entregou um requerimento semelhante, por considerar existir um sério e grave motivo sobre a imparcialidade da magistada. Os comentários da juíza a propósito das provas apresentadas no caso foram alvo de duras críticas.

A segunda audiência do julgamento está marcada para esta sexta-feira.

  • Pyongyang compara Trump a Hitler

    Mundo

    A Coreia do Norte compara o Presidente norte-americano Donald Trump a Adolf Hitler. Pyongyang já acostumou o mundo à sua linguagem "colorida" quando critica os seus inimigos. Mas comparações com o responsável por mais de 60 milhões de mortes são muito raras.