sicnot

Perfil

País

Acidentes rodoviários mataram 50 pessoas este ano

Os acidentes nas estradas portuguesas provocaram este ano 50 mortos, menos 19 do que em igual período de 2015, apesar de o número de acidentes ter aumentado quase 7%, segundo a Autoridade de Segurança Rodoviária.

(Arquivo)

(Arquivo)

ANTONIO COTRIM/ LUSA

A Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), que reúne dados da PSP e da GNR, indica que, entre 1 de janeiro e 15 de fevereiro, registaram-se 16.235 acidentes rodoviários, mais 1.008 do que no mesmo período de 2015, quando ocorreram 15.227.

Os dados adiantam que os acidentes provocaram este ano 50 vítimas mortais, menos 19 do que em igual período do ano passado, quando foram registados 69 mortos.

Os distritos com mais vítimas mortais este ano são Lisboa (10), Aveiro (8), Leiria (5) e Setúbal (4).

Já nos distritos de Viana do Castelo e de Bragança não se registou qualquer vítima mortal entre 1 de janeiro e 15 de fevereiro.

A ANSR refere também que se registaram 222 feridos graves, menos 23 do que em 2015, quando tinham ficado gravemente feridas 245.

Por outro lado, registaram-se até 15 de fevereiro mais 320 feridos ligeiros do que em igual período do ano passado, num total de 4.632, contra os 4.312 de 2015.

Os dados da ANSR dizem respeito às vítimas mortais cujo óbito ocorreu no local do acidente ou a caminho do hospital.

Lusa

  • Condutor atropela 3 adolescentes em Ourém e foge
    1:45

    País

    Três adolescentes foram atropelados em Ourém, domingo à tarde, e ficaram feridos com gravidade. O condutor fugiu. O atropelamento ocorreu pouco depois das 17:00 na estrada que liga Alvega a Atouguia, no concelho de Ourém. Os adolescentes, dois com 14 anos e um 15 estavam a andar de bicicleta quando foram colhidos por um carro que se presume ser um Seat Ibiza preto, de acordo com uma fonte da GNR de Santarém que falou à agência Lusa. Uma das crianças foi transportada de Helicóptero para o Hospital de Santa Maria, em Lisboa. As outras duas deram entrada no Hospital Pediátrico de Coimbra.

  • Os momentos que marcaram o 7.º dia de Mundial
    1:08
  • "Ronaldos nascem na Rússia como cogumelos"
    1:49
  • Os momentos descontraídos dos jogadores
    1:54
  • Ronaldo no País dos Sovietes: O humor russo
    1:32
  • Schulz responde a Trump: "é um especialista em estatísticas criminais"

    Mundo

    "Donald Trump é um especialista em estatísticas criminais: pagamentos a estrelas porno, contactos ilegais com russos e diretores de campanha presos". Foi assim que o deputado alemão Martin Schulz respondeu ao Presidente norte-americano, depois de este ter afirmado várias vezes que a criminalidade na Alemanha aumentou devido à imigração.

    SIC

  • "Vou pedir a alguém que dê esta notícia por mim". Jornalista emociona-se com o caso dos bebés mexicanos separados das famílias
    0:49