sicnot

Perfil

País

António Guterres é a estrela do primeiro dia de jornadas parlamentares do PSD

António Guterres é a estrela do primeiro dia de jornadas parlamentares do PSD

As jornadas parlamentares são do PSD, mas a estrela do primeiro dia é um homem do PS. António Guterres participa num jantar dos deputados sociais-democratas que estão reunidos hoje e amanhã em Santarém. Durante a tarde, ouviram-se várias críticas a António Costa, acusado de já só pensar nas próximas eleições.

  • PSD condena "ataque vergonhoso" ao Banco de Portugal
    1:36

    Economia

    O PSD condena aquilo a que chama de "ataque vergonhoso" do Governo ao Banco de Portugal. Num discurso com duras críticas ao primeiro-ministro, Luís Montenegro acusa António Costa de desrespeito institucional grave e de querer mandar no Banco de Portugal. O líder parlamentar do PSD diz mesmo que o Governo e o PS parecem querer tornar-se os "donos disto tudo".

  • Primeiro-ministro recusa-se a dizer se Carlos Costa deve abandonar o cargo
    2:59

    Economia

    O primeiro-ministro criticou a atuação do Governador do Banco de Portugal, mas António Costa recusa-se a dizer se Carlos Costa deve ou não abandonar o cargo. O PSD fala numa ingerência grave e vergonhosa do Governo e acusa o Executivo e o PS de quererem tornar-se os "donos disto tudo". O Banco de Portugal veio, entretanto, garantir que antes das declarações do primeiro-ministro já estava marcada uma reunião para discutir o caso dos lesados do BES.

  • "É evidente que não fecho a porta ao Eurogrupo"
    1:38

    Economia

    O ministro das Finanças diz que não fecha a porta ao Eurogrupo. A declaração é feita numa entrevista ao semanário Expresso. No entanto, Mário Centeno deixa a ressalva que qualquer ministro das Finanças do Eurogrupo pode ser presidente.

  • Itália tenta colocar migrações na agenda do G7 contra vontade dos EUA
    1:45
  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14
  • Portugal pode ser atingido por longos períodos de seca

    País

    Portugal e Espanha podem ser atingidos até 2100 por 'megasecas', períodos de seca de dez ou mais anos, segundo os piores cenários traçados num estudo da universidade britânica Newcastle, que tem a participação de uma investigadora portuguesa.