sicnot

Perfil

País

António Guterres é a estrela do primeiro dia de jornadas parlamentares do PSD

António Guterres é a estrela do primeiro dia de jornadas parlamentares do PSD

As jornadas parlamentares são do PSD, mas a estrela do primeiro dia é um homem do PS. António Guterres participa num jantar dos deputados sociais-democratas que estão reunidos hoje e amanhã em Santarém. Durante a tarde, ouviram-se várias críticas a António Costa, acusado de já só pensar nas próximas eleições.

  • PSD condena "ataque vergonhoso" ao Banco de Portugal
    1:36

    Economia

    O PSD condena aquilo a que chama de "ataque vergonhoso" do Governo ao Banco de Portugal. Num discurso com duras críticas ao primeiro-ministro, Luís Montenegro acusa António Costa de desrespeito institucional grave e de querer mandar no Banco de Portugal. O líder parlamentar do PSD diz mesmo que o Governo e o PS parecem querer tornar-se os "donos disto tudo".

  • Primeiro-ministro recusa-se a dizer se Carlos Costa deve abandonar o cargo
    2:59

    Economia

    O primeiro-ministro criticou a atuação do Governador do Banco de Portugal, mas António Costa recusa-se a dizer se Carlos Costa deve ou não abandonar o cargo. O PSD fala numa ingerência grave e vergonhosa do Governo e acusa o Executivo e o PS de quererem tornar-se os "donos disto tudo". O Banco de Portugal veio, entretanto, garantir que antes das declarações do primeiro-ministro já estava marcada uma reunião para discutir o caso dos lesados do BES.

  • Portugueses querem contratar Obama

    Mundo

    Contratar Barack Obama. Pode parecer uma tarefa impossível, mas para a startup portuguesa Swonkie a única resposta a este desafio é "Yes We Can", mote da campanha presidencial de Obama de há nove anos.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.