sicnot

Perfil

País

O tempo para hoje

O tempo para hoje

O IPMA prevê para hoje no continente períodos de céu muito nublado, diminuindo de nebulosidade a partir da tarde, aguaceiros em geral fracos, em especial no litoral oeste, diminuindo de intensidade e frequência a partir da tarde e queda de neve acima de 600/800 metros nas regiões norte e centro. Está também previsto vento fraco a moderado do quadrante norte, soprando moderado a forte por vezes com rajadas até 70 quilómetros por hora nas terras altas, formação de gelo e geada em alguns locais do interior e pequena subida da temperatura mínima.

Em Lisboa as temperaturas vão variar entre 07 e 12 graus Celsius, no Porto entre 04 e 12, em Vila Real entre 01 e 09, em Viseu entre 01 e 08, em Bragança entre -2 e 09, na Guarda entre -1 e 05, em Castelo Branco entre 02 e 11, em Coimbra entre 03 e 11, em Santarém entre 035 e 13, em Évora e Beja entre 04 e 12 e em Faro entre 08 e 14.

  • Governo garante reforço das verbas para defesa da floresta até ao fim do ano
    2:37

    País

    O Governo rejeitou centenas de candidaturas com projetos para a prevenção de incêndios florestais, por falta de verbas. Perante a situação, o Bloco de Esquerda questionou o Ministério da Agricultura sobre as reprovações. Contudo, contactado pela SIC, o ministro Capoulas Santos garantiu que o programa de desenvolvimento rural está a ser reajustado e, até ao final do ano, está previsto o reforço de verbas.

  • Porto Editora acusada de discriminação
    2:55
  • Governo quer entregar OE 2018 a 13 de outubro
    1:33
  • Casa Branca isolada devido a pacote suspeito

    Mundo

    A Casa Branca foi esta terça-feira isolada devido à presença de um pacote suspeito junto a uma das vedações que limitam o edifício governamental norte-americano. A situação já foi normalizada e o objeto retirado do local.

  • Três irmãos resgatados dos escombros em Itália
    1:24
  • Participante no incidente em Charlottesville teme pela vida
    1:43

    Mundo

    Um dos participantes nos incidentes em Charlottesville e membro de um grupo de extrema-direita supremacista teme vir a ser detido ou até morto, pelas declarações que fez durante uma reportagem da Vice News, que se tornou viral nas redes sociais.