sicnot

Perfil

País

BE diz que Carlos Costa não se comporta como um governador do Banco de Portugal

BE diz que Carlos Costa não se comporta como um governador do Banco de Portugal

Catarina Martins disse ontem à noite que Carlos Costa não se comporta como um Governador de Banco de Portugal quer na relação com o BCE quer enquanto supervisor. Estas críticas da porta-voz do Bloco de Esquerda surgem em resposta a uma pergunta sobre a controvérsia, numa sessão de esclarecimento em Lisboa.

  • Primeiro-ministro recusa-se a dizer se Carlos Costa deve abandonar o cargo
    2:59

    Economia

    O primeiro-ministro criticou a atuação do Governador do Banco de Portugal, mas António Costa recusa-se a dizer se Carlos Costa deve ou não abandonar o cargo. O PSD fala numa ingerência grave e vergonhosa do Governo e acusa o Executivo e o PS de quererem tornar-se os "donos disto tudo". O Banco de Portugal veio, entretanto, garantir que antes das declarações do primeiro-ministro já estava marcada uma reunião para discutir o caso dos lesados do BES.

  • António Costa volta a criticar governador do Banco de Portugal
    2:09

    Economia

    O primeiro-ministro não diz se o governador do Banco de Portugal tem ou não condições para continuar no cargo. Em Bruxelas, e questionado pelos jornalistas, António Costa fugiu à pergunta, mas voltou a criticar Carlos Costa pela demora em encontrar uma solução para os lesados do BES.

  • Carlos Costa garante que resolução do Banif era inevitável
    2:10

    Banif

    O Governador do Banco de Portugal diz que a resolução do Banif era inevitável. Numa audição no parlamento, Carlos Costa defendeu que os custos de liquidar o banco seriam ainda maiores.O Governador responsabiliza o ex-presidente do Banif por chumbos aos planos de reestruturação e lembrou a falta de liquidez do banco um dia antes da resolução. Quanto ao comprador voltou a garantir que o Santander foi o único interessado que cumpria os requisitos europeus.

  • Negligência é a principal causa dos incêndios
    1:32

    País

    A Polícia Judiciária deteve mais dois suspeitos de fogo posto este fim de semana. Ao todo já foram detidas pelo menos 99 pessoas pelas autoridades desde o início do ano, a maioria suspeitas de agirem intencionalmente. Mas desde 1 de janeiro até meados deste mês, dos 8 mil incêndios investigados pela GNR, mais de 3.300 tiveram causa negligente. 

  • Nicolás Maduro quer convocar "cimeira mundial de solidariedade"

    Mundo

    O Presidente venezuelano, Nicolás Maduro, reiterou este sábado que convocará uma "cimeira mundial de solidariedade" com o país, que permita atenuar a "campanha criminosa" que considera existir contra a Venezuela, cujo Governo está cada vez mais isolado internacionalmente.

  • Concentração de motos em Góis
    2:28

    País

    Durante este fim de semana, decorre uma das concentrações de motards mais concorridas do país. A organização esperava cerca de 20 mil visitantes em Góis.