sicnot

Perfil

País

Decisão sobre pedido de libertade condicional de Carlos Cruz conhecido em março

Carlos Cruz, detido no processo Casa Pia, foi hoje ouvido por um juiz de execução de penas sobre o pedido de liberdade condicional e decisão deverá ser conhecida em março, disse à Lusa o seu advogado.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Hugo Correia / Reuters

Ricardo Sá Fernandes adiantou que a decisão do Tribunal de Execução de Penas (TEP) sobre o pedido de liberdade condicional do ex-apresentador de televisão deverá ser conhecida "dentro de duas semanas a um mês".

Condenado a seis anos de prisão, Carlos Cruz avançou com um pedido de liberdade condicional, quando já completou dois terços da pena a que foi condenado.

Carlos Cruz havia cumprido, em dezembro de 2014, metade da pena (três dos seis anos), depois de o Tribunal da Relação de Lisboa ter alterado, em recurso, a pena inicial de sete anos de prisão a que tinha sido condenado na primeira instância, fixando-a em seis anos, por três crimes de abuso sexual de menores.

O ex-apresentador de televisão, a cumprir pena no Estabelecimento Prisional da Carregueira, concelho de Sintra, teve direito a uma saída precária, em dezembro passado, para passar o Natal em casa.

"Eu não me continuo a declarar, eu estou inocente, é um facto, é um facto.(...) Não vivo de crenças, mas vivo muito de esperança e acredito fundamentalmente que a esperança mexe às vezes com o remorso, e portanto quem tiver remorsos talvez me dê a esperança", afirmou Carlos Cruz aos jornalistas à saída da prisão em dezembro.

Foram ainda condenados no processo Casa Pia, relacionado com abusos sexuais de alunos e ex-alunos da instituição, o antigo motorista casapiano Carlos Silvino (15 anos de prisão), o médico Ferreira Dinis (sete anos de prisão), Manuel Abrantes (cinco anos e nove meses) e Jorge Ritto (seis anos e oito meses).

Lusa

  • A vida de Carlos Cruz na cadeia e o que pensa fazer quando sair
    2:32

    País

    Carlos Cruz pode sair em liberdade condicional já no fim deste mês. Tudo depende da decisão do tribunal de execução de penas que irá ouvir o apresentador. Antes da decisão, Carlos Cruz recebeu a reportagem da SIC na prisão da Carregueira para falar sobre os dias da radio, numa entrevista para o Perdidos e Achados. Mas Cruz falou também sobre a vida na cadeia e o que pensa fazer assim que sair.

  • Peritos mundiais debatem doenças neurodegenerativas em Lisboa
    3:04

    País

    Especialistas de mais de 20 países na área das doenças neurodegenerativas estão reunidos esta semana na Fundação Champalimaud, em Lisboa. A cimeira, realizada em parceria com a Fundação Rainha Sofia, de Espanha, é dedicada aos progressos na investigação e nos cuidados de saúde em doenças como o Alzheimer. As demências efetam 50 milhões de pessoas em todo o mundo, número que deverá triplicar em 2050.

  • "O Benfica é atacado e não há ninguém que fale e que dê a cara?"
    6:05
    O Dia Seguinte

    O Dia Seguinte

    2ªFEIRA 21:50

    Depois do artigo publicado no blog "Geração Benfica", Rui Gomes da Silva reiterou esta segunda-feira, em O Dia Seguinte da SIC Notícias, algumas das críticas à estrutura do clube. O antigo vice-presidente do Benfica defendeu Luís Filipe Vieira, Rui Vitória e Nuno Gomes. E acusou novamente Rui Costa de passividade e os vice-presidentes de não darem a cara. 

  • Governo aconselha pais a fazerem queixa de manuais em mau estado
    2:31