sicnot

Perfil

País

Marisa Matias diz que cartaz com Jesus é um erro porque mistura política e religião

A candidata apoiada pelo BE nas últimas presidenciais, Marisa Matias, disse hoje que o cartaz do partido com a imagem de Jesus Cristo, apesar de não ser ofensivo, é um "erro", porque mistura "política partidária e sensibilidades religiosas".

JOS\303\211 COELHO

"Não acho que o cartaz seja ofensivo. Acho que é um erro porque mistura coisas que o Bloco de Esquerda (BE) se tem esforçado - e bem - por separar, política partidária e sensibilidades religiosas", defendeu Marisa Matias, numa curta declaração enviada, por escrito, à agência Lusa.

O BE lançou hoje uma campanha sobre a adoção por casais do mesmo sexo, que foi recentemente confirmada no parlamento depois do veto do Presidente da República, da qual faz parte um cartaz com a palavra "Igualdade" e um suporte que está a circular na Internet e nas redes sociais com a imagem de Jesus Cristo e se lê "Jesus também tinha 2 pais".

A posição da eurodeputada bloquista já tinha sido parcialmente avançada pela mesma, quando, ao responder a uma pergunta sobre o tema na sua página da rede social Facebook acabou por admitir: "acho que saiu ao lado da intenção que se pretendia. Que foi um erro."

Este cartaz já foi criticado pelos partidos PSD e CDS/PP e pela Conferência Episcopal, que o considerou uma "afronta aos crentes".

O Cardeal-Patriarca de Lisboa juntou-se ao coro de críticas e já esta noite condenou este cartaz porque representa uma mentira "que desqualifica quem a propaga".

Já depois das críticas, a deputada do BE Sandra Cunha defendeu que esta campanha não "teve qualquer caráter ofensivo", tendo sido usado o humor para dar visibilidade ao tema.

"Não se pretende de nenhuma forma ofender nem teve qualquer caráter ofensivo. O BE respeita e tem o maior respeito por todas as convicções religiosas e estamos certos que temos uma grande maioria de crentes e de não crentes que estarão connosco por estas famílias e por esta diversidade", disse a deputada do BE.

Lusa

  • Cristas acusa Costa de mentir sobre acordo da concertação social
    3:01

    Economia

    A presidente do CDS acusou esta terça-feira o primeiro-ministro de mentir no debate quinzenal, ao dizer que o acordo da concertação social já estava assinado. Foi o momento mais aceso, com Assunção Cristas a dizer que António Costa não tem condições para chefiar o Governo.

  • Trump prestará juramento com a duas bíblias

    Mundo

    Donald Trump prestará juramento, na próxima sexta-feira, como o 45.º Presidente dos Estados Unidos, usando duas Bíblias - a sua, oferecida pela sua mãe, e a que Abraham Lincoln usou na sua posse, há 150 anos.

  • Esta foto pode salvar a sua vida

    Mundo

    Podemos até estar familiarizados com os sinais do cancro da mama, mas quando se trata de identificar sintomas visuais nos nossos próprios seios, já não é tão fácil. Por isto, uma designer resolveu mostrar como descobrir sinais através de uma ajuda improvável: limões.

    Rita Ferro Alvim